Publicidade

X

Capital

Ônibus são depredados na Cidade Tiradentes

Os ônibus foram depredados com bolas de gude e pedras atiradas por estilingues na madrugada de quarta-feira (19) na zona leste de São Paulo Da Reportagem De São Paulo

dothCom Consultoria Digital

Publicado em 20/09/2018 às 23:20

Comentar:

Compartilhe:

A-

A+

Publicidade

Pelo menos 11 ônibus foram depredados com bolas de gude e pedras atiradas por estilingues na madrugada da última quarta-feira, nos bairros de Cidade Tiradentes e Guaianazes, na zona leste de São Paulo. Todos os coletivos são da empresa Via Sul Transportes.

Não são os primeiros casos registrados no ano. Desde agosto, foram contabilizados 89 ataques semelhantes contra a mesma empresa, também na zona leste da capital paulista, principalmente na avenida Ragueb Chohfi, uma das mais movimentadas da região.

“Virou rotina passar a noite na delegacia registrando esses boletins de ocorrência”, contou o motorista M.J. da S., em entrevista à “TV Globo”. Um dos ônibus foi depredado antes e depois do motorista dar queixa na delegacia.

A Polícia Civil está investigando para descobrir as motivações e os autores dos ataques. A Secretaria da Segurança Pública (SSP) informou que foi reforçado o policiamento na região das ocorrências.

Ocorrências

No final de agosto, 34 ônibus da rede municipal foram depredados na Cidade Tiradentes com os mesmos métodos.

Na ocasião, ao menos 16 mil passageiros acabaram prejudicados, segundo estimativa do SPUrbanuss (sindicato das empresas) – cada veículo depredado ficou um dia fora de circulação.

Apoie a Gazeta de S. Paulo
A sua ajuda é fundamental para nós da Gazeta de S. Paulo. Por meio do seu apoio conseguiremos elaborar mais reportagens investigativas e produzir matérias especiais mais aprofundadas.

O jornalismo independente e investigativo é o alicerce de uma sociedade mais justa. Nós da Gazeta de S. Paulo temos esse compromisso com você, leitor, mantendo nossas notícias e plataformas acessíveis a todos de forma gratuita. Acreditamos que todo cidadão tem o direito a informações verdadeiras para se manter atualizado no mundo em que vivemos.

Para a Gazeta de S. Paulo continuar esse trabalho vital, contamos com a generosidade daqueles que têm a capacidade de contribuir. Se você puder, ajude-nos com uma doação mensal ou única, a partir de apenas R$ 5. Leva menos de um minuto para você mostrar o seu apoio.

Obrigado por fazer parte do nosso compromisso com o jornalismo verdadeiro.

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

rodovia Padre Manoel da Nóbrega

Rodovia que corta o Litoral terá 12 pontos de pedágio; veja os locais

Caso os pontos de cobrança da rodovia tenha o valor máximo, o preço total pago em pedágios para cortar a Padre Manoel da Nóbrega será de R$ 72

Lote Litoral Paulista

Rodovias privatizadas no Litoral devem ter 15 pontos de pedágio; veja os locais

Concessão da Parceria Público-Privada possui 213 quilômetros de extensão em rodovias ligando o Alto Tietê ao litoral sul de São Paulo

©2021 Gazeta de São Paulo. Todos os Direitos Reservados.

Layout

Software

Newsletter