últimas notícias

Anexo

O Masp fica na Avenida Paulista e funciona de terça a domingo, das 10h às 18h
O Masp fica na Avenida Paulista e funciona de terça a domingo, das 10h às 18h
Foto: Rafael Neddermeyer/Fotos Públicas

Museus de São Paulo têm programação especial neste mês

A cidade possui cerca de 130 instituições e uma rica programação para curtir em janeiro

Arte contemporânea, arte sacra, obras clássicas, instalações inusitadas. A variedade na programação é a marca dos museus da cidade de São Paulo. Com aproximadamente 130 instituições, entre públicas e privadas, não faltam opções para quem quer se divertir nos museus da capital paulista em janeiro.

1. Pinacoteca
Em janeiro é possível conferir a exposição “A Linha como Direção”, que fica em cartaz até o dia 3 de fevereiro e reúne 12 esculturas e relevos, pertencentes ao acervo da Pinacoteca, que tem em comum o fato de apoiarem-se no elemento geométrico da linha para criar sua espacialidade. Há também a primeira exposição individual no Brasil do artista nascido em Barcelona, Adriá Juliá. “Adriá Juliá: Nem os Mortos Sobreviverão”, que pode ser visitada até 16 de fevereiro.

A Pinacoteca fica na Praça da Luz e funciona de quarta a segunda, das 10h às 18h. Os ingressos custam a partir de R$ 7 e aos sábados a entrada é gratuita.

2. Museu da Casa Brasileira - MCB
Quer saber como eram as casas brasileiras do século 17 até os dias de hoje? Então, a mostra “Remanescentes da Mata Atlântica & Acervo MCB”, no Museu da Casa Brasileira é para você. O local, que está prestes a completar 50 anos, também mantém em cartaz “A Casa e a Cidade-Coleção Crespi Prado”, que aborda o uso residencial do imóvel que hoje abriga a instituição por meio do cotidiano e da trajetória de seus moradores originais: o casal Renata Crespi e Fábio Prado.

O MCB fica na avenida Faria Lima, 2705. A visitação é de terça a domingo, das 10h às 18h, e os ingressos custam a partir de R$ 7,50. Aos finais de semana e feriados a entrada é gratuita.

3. Museu de Arte Moderna de São Paulo – MAM
Localizado no Parque Ibirapuera, com edifício adaptado por Lina Bo Bardi e integrado visualmente ao Jardim de Esculturas, projetado por Roberto Burle Marx, o MAM conta com mais de 5 mil obras produzidas pelos mais significantes nomes da arte moderna e contemporânea.

Em janeiro, nos quatro espaços expositivos do museu, é possível conferir as obras de Laura Vinci, Vicente de Mello, o acervo de livros de artistas do museus, além da exposição do pintor cearense Antonio Bandeira (1922-1967), um dos pioneiros do abstracionismo no Brasil.

O MAM fica no Parque Ibirapuera (avenida Pedro Álvares Cabral, s/n, portões 1 e 3). O museu funciona de terça a domingo, das 10h às 17h30, e os ingressos custam a partir de R$ 5. Aos sábados, a entrada é gratuita.

4. Museu de Arte de São Paulo - MASP
Este mês, além do acervo fixo, quem for ao Masp poderá conferir quatro exposições. A primeira, em cartaz até o dia 12 de abril, é da artista portuguesa Leonor Antunes, “Leonor Antunes: Vazios, Intervalos e Juntas”, cujos trabalhos estabelecem relações entre a escultura, a arquitetura, o design, a luz e o corpo.

O Masp fica na avenida Paulista, 1578. Funciona de Terça a domingo, das 10h às 18h (até às 20h nas terças-feiras). Os ingressos custam a partir de R$ 20 e às terças-feiras a entrada é gratuita.

5. Museu da Imigração - MI
Sediado na antiga Hospedaria do Brás, o Museu da Imigração foi reinaugurado em 2014 e inclui espaços expositivos, jardim, cafeteria, loja, centro de preservação, pesquisa e referência, áreas de convivência e até uma Maria-Fumaça, que permanece com saídas regulares e pagas.

O MI fica na rua Visconde de Parnaíba, 1.316; funciona de terça a domingo, das 9h às 17h (aos domingos, a partir das 10h) e os ingressos custam a partir de R$ 5. Gratuito aos sábados.

6. Museu da Energia de São Paulo
Equipamentos interativos e atividades como jogos e projeções de filmes convidam os visitantes a participarem de experiências cientificas e refletir sobre o tema da energia e seu futuro.

Há ainda diversas atividades voltadas para o público infantil, como a Experimentoteca, pela qual os pequenos poderão interagir com hologramas, carro solar, cadeira giratória, roda de bike, imãs flutuantes, disco de Newton, e outros objetos.

O Museu da Energia fica na alameda Cleveland, 601. Funciona de terça a sábado, das 10h às 17h. As oficinas se concentram nos sábados de janeiro. A entrada é gratuita.

Comentários

Tops da Gazeta