últimas notícias
Os sintomas da Covid-19 são febre, tosse leve, fadiga e dor muscular; a falta de ar não aparece no início, e atinge idosos e pacientes mais debilitados
Os sintomas da Covid-19 são febre, tosse leve, fadiga e dor muscular; a falta de ar não aparece no início, e atinge idosos e pacientes mais debilitados
Foto: Brittany Colette/Unsplash

Estou com sintomas de quê?

Os sintomas da Covid-19, gripe e alergia respiratória podem confundir muita gente, mas os causadores são diferentes, e os tratamentos também

Em tempos de coronavírus, quaisquer sinais de problemas respiratórios podem trazer dúvidas sobre se é ou não manifestações da Covid-19 ou de uma gripe. Afinal, por ser um agente patológico desconhecido, ele causa estranheza na população - e faz que ela fique em alerta máximo.

"No estágio inicial, o coronavírus provoca febre baixa, tosse leve, muita fadiga e dor muscular, e falta de ar pacientes com problemas pulmonares ou mais debilitados", explica o infectologista Luís Fernando Aranha, da Sociedade Beneficente Israelita Brasileira Albert Einstein.

A falta de ar, em particular, que é um sintoma que diferencia a Covid-19 da gripe, merece uma atenção especial. Primeiro porque ela não faz parte do quadro inicial da doença. Em pessoas saudáveis, ela pode aparecer de sete a dez dias depois dos primeiros sintomas. E ela pode aparecer mesmo sem ter sido causada pelo coronavírus. "Há pessoas que, ao primeiro sinal de febre, apresentam falta de ar, e pode até ser um quadro de ansiedade, e é compreensível", adverte.

São sinais diferentes da gripe, cujos sintomas são mais intensos. "Logo no começo a febre é mais alta, a tosse e a dor muscular são mais fortes e a prostração [abatimento, fraqueza] também", adverte.

Em ambos os casos, uma vez que a pessoa tenha contato com o vírus da gripe ou o coronavírus, ela pode levar entre sete e dez dias para apresentar os sintomas - a isso é dado o nome de período de incubação. Há casos que pode levar até duas semanas para os sinais começarem a se manifestar.

Já os sintomas da alergia respiratória são levemente diferentes dos da gripe e da Covid-19. "A pessoa espirra, o nariz fica escorrendo e tampado, mas não tem febre". O infectologista ainda adverte que cada indivíduo tem uma alergia específica a algo, e ela não é transmitida para outras pessoas.

O vírus da gripe, chamado de influenza, pode levar pessoas à morte - crianças inclusive. Já o coronavírus, embora também seja letal especialmente em idosos, pode matar adultos jovens e há registros, segundo a Organização Mundial de Saúde, de morte entre crianças. Outra diferença é que contra a gripe há vacinas - a campanha de vacinação começou em 23 de maio - o que já não acontece com o coronavírus.

O Ministério da Saúde já está organizando a estrutura de atendimento ao público. O paciente deve primeiro procurar o serviço de saúde mais próximo da sua residência para uma análise inicial. Se os sintomas forem compatíveis com os da Covid-19, ele será encaminhado a um hospital para atendimento especializado.

Já que contra a Covid-19 a vacina está sendo desenvolvida, a prevenção mais eficaz está em atitudes simples. "Evitar multidões, lavar as mãos depois de tocar superfícies e, se for confirmada a doença, deve-se ficar em quarentena de 14 dias e usar máscara", complementa.

Coronavírus no centro das atenções

Não é para menos: um vírus desconhecido, com sintomas similares ao da gripe, e que contamina milhares, causa preocupação na população. E isso é traduzido em números: o Google Trends, ferramenta que lista os termos mais buscados no Google, o maior site de buscas da internet, mostra que o coronavírus é o assunto mais procurado na internet em todo o mundo. No Brasil, em particular, os termos mais buscados têm a ver com a prevenção. Até o dia 31 de março, a palavra quarentena estava no topo das buscas, seguida por álcool gel e isolamento.

Cada um no seu quadrado

Os sintomas da Covid-19, gripe e alergia respiratória podem ser parecidos, o que pode causar certa confusão na população, e até um pouco de medo. Veja abaixo as principais diferenças entre elas:

Gripe: Febre, tosse, dor de cabeça, dor nos músculos e nas juntas, dor de garganta e coriza.

Covid-19: Dificuldade para respirar, febre alta, tosse seca, cansaço, fadiga e diarreia.

Alergia: Espirros, tosse, dor de cabeça e coriza.

Tops da Gazeta