últimas notícias
A engenheira Laura Cassini passou por um momento difícil e apostou na companhia de uma Lulu da Pomerânia para ajudá-la a superar as adversidades.
A engenheira Laura Cassini passou por um momento difícil e apostou na companhia de uma Lulu da Pomerânia para ajudá-la a superar as adversidades. "Os Lulu, em geral, são muito espertos, curiosos, ativos, atentos, dóceis, apegados ao dono e, o principal, companheiros! E não teria definição melhor do que essa para a Hanninha..."
Foto: ARQUIVO PESSOAL

Companheirismo é o principal atributo do Lulu da Pomerânia

A raça, conhecida também como Spitz Alemão, precisa de cuidados específicos para garantir seu bem-estar

Quando a engenheira Laura Cassini, 24 anos, moradora de Votuporanga, passou por um momento conturbado, ela apostou na companhia de uma amiga de quatro patas para ajudá-la a superar as adversidades e sua escolha foi uma Lulu da Pomerânia, a raça mais popular em 2019, segundo a Confederação Brasileira de Cinofilia (CBKC).

"Os Lulu, em geral, são animais muito espertos, curiosos, ativos, atentos, dóceis, apegados ao dono e, o principal, companheiros! E não teria definição melhor do que essa para a Hanninha...", diz a engenheira, que batizou a cadela, hoje com um ano e meio, de Hanna.

A médica veterinária Natália Lopes, gerente de comunicação científica da Royal Canin Brasil, concorda com Laura, mas ressalta que a raça, conhecida também como Spitz Alemão, precisa de cuidados específicos para garantir seu bem-estar. "A raça Pomerânia apresenta algumas sensibilidades específicas, dentre elas, a dental, uma vez que os dentes de leite, frequentemente, persistem quando nascem os dentes permanentes, o que provoca o acúmulo de resíduos alimentares e bactérias na boca do cão ainda jovem, por isso é indicado escovar os dentes do cão diariamente. Outra sensibilidade, de origem genética, é o deslocamento da articulação do joelho (luxação de patela), que pode predispor o cão à lesão de ligamento e artrite", alerta.

A pelagem do Lulu também requer atenção redobrada e nunca deve ser raspada. "É importante aparar os pelos com um profissional a cada dois meses e escovar, uma vez por semana, evitando assim, a formação de nós", finaliza Lopes. (Gladys Magalhães)

Tops da Gazeta