últimas notícias

Sem Lula, PT tentará levar Haddad a debates

O secretário de Comunicação do PT, Carlos Henrique Árabe, explica que as emissoras, em sua maioria, exigem, exclusivamente, a presença do titular da chapa Por Folhapress De São Paulo

Com Luiz Inácio Lula da Silva preso, o PT decidiu consultar assessoria jurídica sobre medidas legais para garantir participação do vice, o ex-prefeito Fernando Haddad, em debates eleitorais.

O secretário de Comunicação do PT, Carlos Henrique Árabe, explica que as emissoras, em sua maioria, exigem, exclusivamente, a presença do titular da chapa.

Entre os organizadores de debates que não permitiriam um representante, estão a Bandeirantes e a Rede Globo.

Segundo Árabe, "o primeiro veículo foi a própria Folha de S.Paulo, que resolveu excluir representante".

"No diálogo ou na Justiça: trata-se de representar o candidato em primeiro lugar", disse Árabe, ao responder como o partido tentará assegurar a participação de Haddad.

Líder do PT no Senado, Lindbergh Farias (RJ) afirma que o partido explorará politicamente a exclusão do vice dos debates, caso essa decisão seja mantida.

Tops da Gazeta