últimas notícias

Bolsonaro interrompe ato de campanha após ser esfaqueado, diz PM

O candidato era carregado por apoiadores no centro na cidade quando foi atingido por um homem com uma faca em Juiz de Fora (MG) Por Folhapress De São Paulo

O presidenciável Jair Bolsonaro (PSL) foi esfaqueado na tarde desta quinta-feira (6) em ato de campanha na cidade de Juiz de Fora, na zona da mata de Minas Gerais, segundo a Polícia Militar do estado.

O candidato era carregado por apoiadores no centro na cidade quando foi atingido por um homem com uma faca. Depois do ataque, Bolsonaro foi retirado do local e levado à Santa Casa.

A PM informa que um suspeito de ser o esfaqueador foi detido em flagrante e está na 7ª delegacia da Polícia Civil. Ele se chama Adélio Bispo de Oliveira e tem 40 anos.

A Polícia Federal informou que abrirá inquérito para apurar o ataque ao candidato. O órgão explicou que o presidenciável teve um ferimento superficial.

Pelo Twitter, seu outro filho, Flávio, disse que o pai "levou uma estocada", mas passa bem. "Graças a Deus, foi apenas superficial e ele passa bem. Peço que intensifiquem as orações por nós!", afirmou.
?
Bolsonaro está em primeiro lugar nas pesquisas de intenção de voto, com 22%, segundo pesquisa Ibope divulgada nesta quarta-feira (5).

Tops da Gazeta