últimas notícias

Confiança do setor de serviços recua 3,1 pontos em maio ante abril, diz FGV

Nos últimos quatro meses, houve uma perda acumulada de 9,2 pontos. Em médias móveis trimestrais, o índice recuou pela terceira vez consecutiva, dessa vez em 2,5 pontos Por Estadão Conteúdo

O Índice de Confiança de Serviços (ICS) caiu 3,1 pontos na passagem de abril para maio, descendo a 89,0 pontos, na série com ajuste sazonal, informou a Fundação Getulio Vargas (FGV) nesta quarta-feira, 29. Nos últimos quatro meses, houve uma perda acumulada de 9,2 pontos. Em médias móveis trimestrais, o índice recuou pela terceira vez consecutiva, dessa vez em 2,5 pontos.

"A quarta queda seguida da confiança de serviços sugere que persiste o período de atividade fraca que o setor vem enfrentando. A combinação da retração suave do Índice de Situação Atual com declínio expressivo do Índice de Expectativas mostra que os empresários de serviços não estão confortáveis com a situação que o setor se encontra e se tornando cada vez menos otimistas em relação à evolução dos negócios nos próximos meses. O resultado geral da pesquisa sinaliza uma recuperação lenta da economia ao longo de 2019", avaliou Rodolpho Tobler, economista do Instituto Brasileiro de Economia da FGV (Ibre/GV), em nota oficial.

Em maio, a confiança recuou em 12 das 13 principais atividades pesquisadas. O Índice de Expectativas (IE-S) encolheu 5,1 pontos, para 92,0 pontos, enquanto o Índice de Situação Atual (ISA-S) diminuiu 0,9 ponto, para 86,3 pontos.

A retração do IE-S foi influenciada tanto pelo item que mede o otimismo com a tendência dos negócios nos seis meses seguintes (-6,8 pontos) como pelo componente de demanda prevista nos três meses seguintes (-3,3 pontos).

A queda do Índice de Situação Atual (ISA-S) decorreu da avaliação sobre a situação atual dos negócios, que recuou 2,6 pontos.

O Nível de Utilização da Capacidade Instalada (Nuci) do setor de serviços subiu 0,3 ponto porcentual em maio ante abril, para 82,0%. A coleta de dados para a edição de maio da Sondagem de Serviços foi realizada entre os dias 2 e 24 do mês.

Tops da Gazeta