últimas notícias

Acervo

Bombeiros encontram mais um corpo de vítima da tragédia de Brumadinho

Com a localização, sobe para 248 o número de óbitos contabilizados. O corpo, no entanto, não foi identificado Por Agência Brasil

O Corpo de Bombeiros de Minas Gerais localizou mais um corpo de vítima do rompimento da barragem da mina Córrego do Feijão, da empresa Vale, em Brumadinho (MG).

Com a localização, sobe para 248 o número de óbitos contabilizados. O corpo, no entanto, não foi identificado. Segundo nota do Corpo de Bombeiros, “o estado de decomposição não permite identificar o sexo ou idade provável da vítima. O corpo foi encontrado sem um dos membros inferiores”. Agora são 22 os desaparecidos.

O corpo foi localizado na área Remanso 2, elencada como de “alta relevância” para as buscas que continuam na região. Os bombeiros fizeram uso de informações prévias e cruzamento de dados para chegar ao corpo.

“O corpo foi encontrado a três metros de profundidade, após trabalho de escavação (...) com apoio de máquinas pesadas”, descrevem os bombeiros mineiros. O corpo localizado já foi encaminhado para o Instituto Médico Legal.

Tops da Gazeta

Bombeiros encontram mais um corpo de vítima da tragédia de BrumadinhoBombeiros encontram mais um corpo de vítima da tragédia de Brumadinho
últimas notícias

Acervo

Bombeiros encontram mais um corpo de vítima da tragédia de Brumadinho

Com a localização, sobe para 248 o número de óbitos contabilizados. O corpo, no entanto, não foi identificado Por Agência Brasil

O Corpo de Bombeiros de Minas Gerais localizou mais um corpo de vítima do rompimento da barragem da mina Córrego do Feijão, da empresa Vale, em Brumadinho (MG).

Com a localização, sobe para 248 o número de óbitos contabilizados. O corpo, no entanto, não foi identificado. Segundo nota do Corpo de Bombeiros, “o estado de decomposição não permite identificar o sexo ou idade provável da vítima. O corpo foi encontrado sem um dos membros inferiores”. Agora são 22 os desaparecidos.

O corpo foi localizado na área Remanso 2, elencada como de “alta relevância” para as buscas que continuam na região. Os bombeiros fizeram uso de informações prévias e cruzamento de dados para chegar ao corpo.

“O corpo foi encontrado a três metros de profundidade, após trabalho de escavação (...) com apoio de máquinas pesadas”, descrevem os bombeiros mineiros. O corpo localizado já foi encaminhado para o Instituto Médico Legal.

Tops da Gazeta