X

Privatização

Guedes se irrita com crítica sobre privatização da Petrobras e deixa pronunciamento

Ministro da Economia deu uma breve declaração a jornalistas após se encontrar com o novo ministro de Minas e Energia, Adolfo Sachsida

Da Folhapress

Publicado em 12/05/2022 às 13:24

Atualizado em 12/05/2022 às 13:34

Comentar:

Compartilhe:

A-

A+

Ministro da Economia, Paulo Guedes / Marcelo Camargo/Agência Brasil

O ministro da Economia, Paulo Guedes, se irritou com críticas à privatização da Petrobras durante um pronunciamento à imprensa nesta quinta-feira (12) e deixou o local sem responder perguntas.

Ele deu uma breve declaração a jornalistas após se encontrar com o novo ministro de Minas e Energia, Adolfo Sachsida, e receber um pedido para iniciar estudos de desestatização da petroleira.

Ao fundo, era possível ouvir um grupo protestando, "vocês vão destruir o patrimônio do povo brasileiro". Não foi possível identificar quem disse isso.

Guedes levantou a voz. "Eu queria que todos soubessem que sempre respeitamos, estamos numa democracia, respeitamos os vencedores de eleições. Não quero falar de quem roubou a Petrobras, assaltou a Petrobras durante anos, roubaram, foram condenados, não quero falar isso", afirmou.

"Quero simplesmente receber um programa de governo que teve 60 milhões de votos, receber um pedido do novo ministro de Minas e Energia e encaminhar o processo", continuou.

Ele, então, encerrou o pronunciamento. Ao ouvir novas críticas, ele disse: "Nós vamos devolver ao povo brasileiro o que é deles, está certo?", e deixou o local.

Os jornalistas que estavam ali tentaram fazer perguntas ao ministro, mas não foram respondidos.

Antes, Guedes disse que o pedido de Sachsida será encaminhado à secretaria do Programa de Parcerias de Investimentos (PPI) ainda hoje.
O UOL entrou em contato com o Ministério da Economia sobre o ocorrido.

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

JOGOS DO DIA

Palmeiras em campo neste sábado; veja onde assistir aos jogos do dia

Bola rola no Brasileirão Série A, B, C, D, Sub-20 e Copa Paulista

ZONA SUL

Homem não consegue furtar e taca fogo em loja da Oxxo em SP

Suspeito teria confessado o crime e dito que já havia incendiado uma outra unidade da mesma rede

©2021 Gazeta de São Paulo. Todos os Direitos Reservados.

Layout

Software

Newsletter