últimas notícias
Izael Caldeira era membro do Demônios da Garoa
Izael Caldeira era membro do Demônios da Garoa
Foto: Reprodução/Instagram

Luto na música popular: morre Izael Caldeira, do Demônios da Garoa

Músico foi vítima da Covid-19 aos 79 anos; Izael era um dos rostos mais conhecidos do Demônios da Garoa, conjunto símbolo da cultura paulistana

Izael Caldeira, músico do conjunto Demônios da Garoa, morreu no fim da noite desta segunda-feira, vítima da Covid-19. O artista tinha 79 anos de idade, completados no último dia 27. O grupo confirmou a informação pelas redes sociais.

"É com profunda tristeza e com nossos corações completamente apertados que comunicamos a todos o falecimento do nosso amado irmão Izael, ainda sem acreditar que perdemos uma das vozes mais lindas desse País, um ser humano ímpar e que vai deixar muitas, mas muitas saudades. Obrigado por tudo, Iza", escreveu o conjunto vocal.

O sepultamento será realizado na manhã desta terça-feira, no cemitério Parque dos Pinheiros, na zona norte da capital paulista. O músico deixa mulher, cinco filhos, nove netos e um bisneto.

O Demônios da Garoa foi formado em 1943 na cidade de São Paulo, sem nunca ter encerrado as atividades, sendo um dos grupos vocais mais longevos do mundo. Com seu repertório de samba com sotaque italianado, o conjunto se tornou um dos símbolos artísticos mais importantes do samba paulistano, ao lado de nomes como Adoniran Barbosa, Paulo Vanzolini, Germano Mathias e Geraldo Filme.

Comentários

Tops da Gazeta