últimas notícias
Teste para detecção da Covid
Teste para detecção da Covid
Foto: Danilo Verpa/Folhapress

Antígeno ou RT-PCR: saiba qual dos testes gratuitos fazer na rede municipal em SP

Ambos são oferecidos gratuitamente pela rede municipal; saiba quando fazer cada um

Neste começo de ano, a transmissão da Covid-19 voltou a crescer consideravelmente e a única forma de identificar os casos positivos é realizando a testagem, que deve ser feita se o paciente apresentar sintomas, como tosse, dor de cabeça, coriza, febre alta, dificuldade para respirar, ou tiver contato com alguém infectado.

São dois tipos de testes utilizados para identificar a infecção pela Covid-19: o RT-PCR e o teste rápido. Ambos são oferecidos gratuitamente pela rede municipal de saúde. Entenda a diferença entre eles:

RT-PCR 

A confirmação da Covid-19 pode ser feita por meio da biologia molecular, com o teste RT-PCR, que permite identificar a presença do material genético (RNA) do vírus SARS-CoV-2 em amostras de secreção respiratória.

Considerado o "padrão ouro" da Organização Mundial da Saúde (OMS) para detectar a infecção, o RT-PCR oferece resultados mais precisos. Ele é feito a partir do swab nasal e oral, em que uma haste flexível com algodão na ponta, parecida com um cotonete, é introduzida no fundo do nariz e da boca para coletar uma amostra.

O exame identifica a presença do vírus em amostras coletadas da nasofaringe do primeiro até o oitavo dia de início dos sintomas. Em casos graves hospitalizados, a amostra pode ser coletada até o 14º dia.

Na capital, o RT-PCR é coletado em todos os equipamentos de saúde para os casos de pacientes sintomáticos respiratórios, tenham ou não sido submetidos ao teste rápido antes.

O resultado é disponibilizado a partir de 48 horas após o recebimento da amostra pelo laboratório. Não é necessário fazer o agendamento do exame.

Teste rápido

Conhecido como teste rápido, o antígeno identifica a presença de uma proteína do vírus SARS-CoV-2, o que indica que a pessoa está infectada no momento, podendo ser utilizado para o diagnóstico na fase aguda da doença (do primeiro ao sétimo dia após o início dos sintomas).

A coleta da amostra também é feita por meio da introdução de swab nas duas narinas e o resultado é liberado em aproximadamente 15 minutos.

Vale ressaltar que o paciente pode apresentar uma carga viral mais baixa nos primeiros dias de sintomas e, por isso, obter um resultado negativo, mesmo que esteja infectado no momento da coleta. Em caso de suspeita, é indicado refazer o teste em um outro dia.

Em dezembro, os testes rápidos de antígeno começaram a ser realizados nas Unidades de Pronto Atendimento (UPAs), Assistências Médicas Ambulatoriais (AMAs), Pronto Atendimentos (PAs) e Prontos-socorros (PSs). Neste mês, eles também passaram a ser aplicados nas Unidades Básicas de Saúde (UBSs).

Assim como o RT-PCR, não é necessário fazer o agendamento.

Serviço
Testes para Covid-19 na capital:

  • RT-PCR: Realizado em todos os equipamentos de saúde do município, sem necessidade de agendamento. Resultado é disponibilizado a partir de 48 horas após o recebimento da amostra.
  • Antígeno (teste rápido): Realizado nas UBSs, UPAs, AMAs, PAs e PSs, sem necessidade de agendamento. Resultado é disponibilizado em aproximadamente 15 minutos.

Conheça neste site os endereços de todas as unidades de saúde da Capital onde é possível fazer os testes.

Tops da Gazeta