últimas notícias

Travesti esfaqueia motorista de ônibus e atropela mulher em SP

Segundo a polícia, a travesti se irritou com o motorista, pois ele havia estacionado seu micro-ônibus no local onde ela faz ponto de prostituição Por Folhapress De São Paulo

Uma travesti esfaqueou um motorista de ônibus da EMTU (Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos de São Paulo) e atropelou uma mulher no Butantã, na zona oeste de São Paulo, na tarde desta segunda-feira (1º).

Segundo a polícia, a travesti se irritou com o motorista, pois ele havia estacionado seu micro-ônibus no local onde ela faz ponto de prostituição. Por volta das 17h, após persegui-lo com o seu carro até a avenida Vital Brasil, ela o atacou com uma faca quando o ônibus parou.

O cobrador tentou correr atrás da travesti com uma barra de ferro, mas foi atingido por um carro que passava na rua. Ao tentar fugir, a travesti invadiu com seu carro uma calçada ao lado da estação Butantã do metrô e atingiu uma mulher que estava sentada. Ela sofreu uma fratura exposta ao ser prensada na parede e foi levada ao Hospital das Clínicas.

Pessoas que estavam no local agrediram a travesti, que sofreu uma fratura no braço e foi levada por policiais ao Hospital Universitário, na USP. Quando deixar o hospital, ela responderá por tentativa de homicídio. O motorista está internado no Hospital das Clínicas. O cobrador sofreu apenas ferimentos leves e não foi hospitalizado.

O caso será investigado pela Polícia Civil.

Tops da Gazeta