Edição de Hoje capa
Edições Anteriores
 
Terça, 08 Outubro 2019 09:34

Polícia ainda não identificou autor de disparos que feriu 6 em SP

O incidente no último domingo (6), na calçada que fica do lado de fora do Sesc Parque D. Pedro II
Vídeo de câmera de segurança mostra o momento em que um homem de camiseta branca cai no chão e é alvejado por outro Vídeo de câmera de segurança mostra o momento em que um homem de camiseta branca cai no chão e é alvejado por outro Reprodução
Da Reportagem
De São Paulo

A Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo (SSP) está investigando quem foi o autor e quais foram as motivações de disparos de arma de fogo que feriram seis pessoas em um suposto desentendimento entre dois ou três homens na manhã de domingo (6), junto da Praça São Vito, na região central de São Paulo. O incidente ocorreu por volta das 10h10 na calçada que fica do lado de fora do Sesc Parque D. Pedro II e a uma quadra do Museu Catavento e do Mercado Municipal Paulistano.

Em nota, a SSP afirmou que ainda vai ouvir as vítimas. "O caso ocorrido na manhã de domingo (6), na praça São Vito, no centro, é investigado por meio de inquérito policial pelo 1º DP, responsável pela área. As vítimas serão ouvidas após alta médica e diligências estão em andamento visando identificar o autor e motivação do crime".

O ferido mais grave é um vendedor de 34 anos, que foi encaminhado para a Santa Casa de Misericórdia. As demais vítimas são mulheres entre 23 e 59 anos, das quais ao menos uma teve alta do Hospital do Servidor Público Municipal (PS Vergueiro). O atendimento inicial dos baleados foi feito por uma enfermeira e um socorrista do Sesc. Vídeo de uma câmera de segurança obtido pelo Jornal "O Estado de S. Paulo" mostra que algumas dezenas de pessoas estavam no local do crime no momento dos disparos, onde ficavam vendedores de lanches e bebidas. Em seguida, as imagens mostram as pessoas correndo, momento em que um homem de camiseta branca cai no chão e é alvejado por outro, que vai embora após os disparos.

Três versões diferentes sobre o caso foram relatadas. Duas envolvem uma briga entre ambulantes, com relatos de que um ou dois estariam armados. A principal hipótese é que o alvo dos tiros era o único homem atingido, enquanto as mulheres foram baleadas por estarem nas proximidades.

Há, ainda, uma versão de que um segurança (que também seria policial civil) teria abordado dois homens e insinuado que estariam com mercadoria roubada, no que teria sido agredido e, então, respondido com tiros.


*Com informações do Estadão Conteúdo

Gazeta SP

Endereço
Rua Tuim – 101 A
Moema - São Paulo - SP - CEP 04514-100.
Fone: (11) 3729-6600

Contatos
Redação - editor@gazetasp.com.br
Comercial - comercial@gazetasp.com.br

Diretor Presidente
Sergio Souza

Editorias
Brasil / Mundo / Estado / Capital / Grande São Paulo / Litoral / Vale do Ribeira / Serviços / Previdência / Variedades / Casa & Decoração / Turismo / Cinema

Colunistas
Pedro Nastri /
Nilson Regalado / Nilto Tatto/ Nilson Regalado/ Marcel Machado

Diretor Executivo
Daniel Villaça Souza

Diretor de Negócios
Paulo Villaça Souza

Diretor Comercial
Roberto Santos

Jornalista Responsável
Nely Rossany

Endereço
Rua Tuim – 101 A
Moema - São Paulo - SP - CEP 04514-100.
Fone: (11) 3729-6600

Contatos
Redação - editor@gazetasp.com.br
Comercial - comercial@gazetasp.com.br

Diretor Presidente
Sergio Souza

Diretor Executivo
Daniel Villaça Souza

Diretor Comercial
Roberto Santos

Diretor de Negócios
Paulo Villaça Souza

Jornalista Responsável
Nely Rossany

Editorias
Brasil / Mundo / Estado / Capital / Grande São Paulo / Litoral / Vale do Ribeira / Serviços / Previdência / Variedades / Casa & Decoração / Turismo / Cinema

Colunistas
Pedro Nastri /
Nilson Regalado / Nilto Tatto/ Nilson Regalado/ Marcel Machado