Edição de Hoje capa
Edições Anteriores
 
Sábado, 09 Novembro 2019 09:49

Campeões de gastos na Câmara de SP se mantêm pouco econômicos

Os fatos da cidade de São Paulo na visão do jornalista Bruno Hoffmann
Juliana Cardoso (PT) se manteve como a campeã de gastos entre os vereadores paulistanos Juliana Cardoso (PT) se manteve como a campeã de gastos entre os vereadores paulistanos Reprodução/Facebook
Por Bruno Hoffmann
De São Paulo

No mês passado, a Gazeta revelou que os vereadores que mais usaram a verba de gabinete na Câmara de São Paulo de janeiro a agosto deste ano foram Camilo Cristófaro (PSB), Ricardo Teixeira (DEM) e Juliana Cardoso (PT). Os dados recém-divulgados de setembro mostram que o trio permanece pouco econômico. Cristófaro gastou R$ 23.677,86 dos R$ 24.871,88 disponíveis no mês, em uma economia de R$ 1.194,02. Já Teixeira usou R$ 24.621,69, poupando R$ 250,19. Por sua vez, Juliana Cardoso se manteve como a campeã de gastos entre os vereadores paulistanos: ela deixou de usar apenas R$ 88,29 da verba disponível, em gastos como Correios e locações de veículos. O uso dessa verba está dentro da lei.

Mudanças.
O vereador Zé Turin, eleito pelo PHS, foi anunciado na quarta-feira (6) como novo membro do Republicanos. O evento em que a novidade foi anunciada teve direito a correligionários agitando bandeirinhas do partido para recebê-lo oficialmente na legenda. Com a novidade, o Republicanos se isola como a quarta maior bancada na Câmara, com cinco vereadores na Casa. Zé Turin explicou a esta coluna que a mudança foi dentro das regras e não configura infidelidade partidária. “O PHS fundiu com o Podemos por não passar na cláusula de barreira, e dessa maneira me tornei o único vereador de São Paulo que poderia legalmente migrar para qualquer partido”.

Interlagos.
A Prefeitura de São Paulo apresentou na quarta-feira o edital final de concessão do Autódromo de Interlagos, na zona sul da capital paulista. A gestão Bruno Covas (PSDB) estima receber R$ 1 bilhão durante os 35 anos de concessão. A proposta original da prefeitura era a de se desfazer de vez de Interlagos, mas uma emenda apresentada pela liderança do governo substituiu a alienação pela transferência de gestão pelo período de 35 anos.

Carnaval.
A Câmara aprovou nesta semana emenda em um projeto para criar um pacotão de benefícios às escolas de samba da Capital. Pelo texto, todas as agremiações que desfilam no Sambódromo ficam isentas de pagar IPTU, ISS e taxas de fiscalização. O texto ainda dá aval para as escolas permaneçam ocupando áreas públicas por pelo menos 40 anos. O vereador Milton Leite (DEM), um dos autores da emenda, é presidente de honra da escola de samba Estrela do Terceiro Milênio. Segundo o “Estadão”, uma área de 5 mil m² usada ilegalmente pela escola será regularizada. O texto segue para sanção de Covas.

CPI.
Criticado por reitores, o relatório da CPI das gestões das universidades públicas foi aprovado na Alesp. O documento sugere cobrança de mensalidades a quem pode pagar (sem deixar claro o perfil desses alunos) e concessão de espaços nos campi à iniciativa privada. A CPI se iniciou em abril para se averiguar o “aparelhamento de esquerda” na USP, Unicamp e Unesp. A relatora Valéria Bolsonaro comemorou: “Fiscalizar o uso do dinheiro público faz parte de nossa missão”

Gazeta SP

Endereço
Rua Tuim – 101 A
Moema - São Paulo - SP - CEP 04514-100.
Fone: (11) 3729-6600

Contatos
Redação - editor@gazetasp.com.br
Comercial - comercial@gazetasp.com.br

Diretor Presidente
Sergio Souza

Editorias
Brasil / Mundo / Estado / Capital / Grande São Paulo / Litoral / Vale do Ribeira / Serviços / Previdência / Variedades / Casa & Decoração / Turismo / Cinema

Colunistas
Pedro Nastri /
Nilson Regalado / Nilto Tatto/ Nilson Regalado/ Marcel Machado

Diretor Executivo
Daniel Villaça Souza

Diretor de Negócios
Paulo Villaça Souza

Diretor Comercial
Roberto Santos

Jornalista Responsável
Nely Rossany

Endereço
Rua Tuim – 101 A
Moema - São Paulo - SP - CEP 04514-100.
Fone: (11) 3729-6600

Contatos
Redação - editor@gazetasp.com.br
Comercial - comercial@gazetasp.com.br

Diretor Presidente
Sergio Souza

Diretor Executivo
Daniel Villaça Souza

Diretor Comercial
Roberto Santos

Diretor de Negócios
Paulo Villaça Souza

Jornalista Responsável
Nely Rossany

Editorias
Brasil / Mundo / Estado / Capital / Grande São Paulo / Litoral / Vale do Ribeira / Serviços / Previdência / Variedades / Casa & Decoração / Turismo / Cinema

Colunistas
Pedro Nastri /
Nilson Regalado / Nilto Tatto/ Nilson Regalado/ Marcel Machado