últimas notícias

Carrasco de Neymar há quatro anos, Zuñiga anuncia aposentadoria do futebol

O lateral fez o anúncio durante entrevista coletiva no Atlético Nacional. Desde que retornou ao time que o revelou, Zuñiga sofreu com problemas físicos, perdeu jogos por lesões nos joelhos e participou de cinco partidas Por Folhapress De São Paulo

O colombiano Camilo Zuñiga, que há exatos quatro anos tirou Neymar da Copa do Mundo do Brasil, anunciou sua aposentadoria do futebol, nesta quarta-feira (4).

O lateral-direito de 32 anos fez o anúncio durante entrevista coletiva no Atlético Nacional, onde atuou nos últimos meses.

"Agradeço ao clube por me dar a oportunidade de tentar. Foram muitos anos tratando de voltar bem. Nacional me abriu as portas para me recuperar, mas só um sabe o que se sente e tudo que fiz por paixão, por essa camisa, pela instituição, porque meu sonho era voltar para cá", disse.

Desde que retornou ao time que o revelou, Zuñiga sofreu com problemas físicos, perdeu jogos por lesões nos dois joelhos e participou de apenas cinco partidas. Na última, foi expulso na derrota para o Tolima, nos pênaltis, na final do Campeonato Colombiano.

"Hoje, penso mais no meu futuro, na minha família, dando um passo para o lado e que amanhã, quando eu quiser correr no parque com meus filhos, eu consiga", afirmou.

O lateral atuou dez anos na Europa, com passagens por Napoli, Siena, Bologna e Watford, e ganhou fama após dar uma joelhada em Neymar na vitória brasileira por 2 a 1 nas quartas de final da Copa de 2014. O brasileiro sofreu uma fratura na terceira vértebra lombar e não pôde mais entrar em campo no torneio.

Pela seleção colombiana, ele disputou 62 partidas, mas não foi mais convocado desde a Copa América de 2015.

Tops da Gazeta