Edição de Hoje capa
Edições Anteriores
 
Segunda, 24 Junho 2019 11:57

Policia Civil do RJ investiga morte do atacante Thalles, do Vasco

O órgão investiga toda a trajetória do acidente, desde a festa em que jogador estava até o momento da colisão entre as motos que vitimou de maneira fatal o atleta
No domingo (23), após o enterro do Thalles, amigos do jogador fizeram homenagens ao atleta No domingo (23), após o enterro do Thalles, amigos do jogador fizeram homenagens ao atleta Paulo Fernandes/Vasco.com.br
Por Folhapress
De São Paulo

A Polícia Civil de São Gonçalo (RJ) se debruçou sobre o caso da morte do atacante Thalles, do Vasco, ocorrida no último sábado (22). O órgão investiga toda a trajetória do acidente, desde a festa em que jogador estava até o momento da colisão entre as motos que vitimou de maneira fatal o atleta e Yuri Martins, de 27 anos. Outras três pessoas estão feridas no Hospital Estadual Alberto Torres.

As autoridades já concluíram que todos os envolvidos não estavam utilizando capacetes. À reportagem da Folha de S.Paulo, a Polícia Civil emitiu a seguinte nota: "De acordo com a 74ª DP (Alcântara), foi instaurado um inquérito policial para apurar as mortes de Thalles Lima da Conceição Penha e Yuri Sergio Luparelli Martins, ambos envolvidos em um acidente em que duas motocicletas colidiram no bairro de Vista Alegre, São Gonçalo. Outras três vítimas foram socorridas com vida. Diligências estão em andamento para apurar as circunstâncias do fato".

BALÃO E FOGUETÓRIO

No domingo (23), após o enterro do Thalles, amigos do jogador fizeram homenagens ao atleta. Mesmo sendo crime, um balão gigante com uma bandeira com o rosto do atacante foi levantado em São Gonçalo (RJ), região onde ele nasceu e foi criado. Uma queima de fogos também foi realizada.

Colegas de Thalles compareceram ao funeral com camisas caracterizadas de um time de pelada do bairro do jogador e cantaram a música "A amizade", do grupo Fundo de Quintal.

Alguns familiares passaram mal no momento do enterro e presentes chegaram a cogitar acionar o presidente do Vasco, Alexandre Campello, para socorro. O dirigente é ortopedista, porém não foi preciso. Aos 24 anos, Thalles deixou quatro filhos.

Gazeta SP

Endereço
Rua Tuim – 101 A
Moema - São Paulo - SP - CEP 04514-100.
Fone: (11) 3729-6600

Contatos
Redação - editor@gazetasp.com.br
Comercial - comercial@gazetasp.com.br

Diretor Presidente
Sergio Souza

Editorias
Brasil / Mundo / Estado / Capital / Grande São Paulo / Litoral / Vale do Ribeira / Serviços / Previdência / Variedades / Casa & Decoração / Turismo / Cinema

Colunistas
Pedro Nastri /
Nilson Regalado / Nilto Tatto/ Nilson Regalado/ Marcel Machado

Diretor Executivo
Daniel Villaça Souza

Diretor de Negócios
Paulo Villaça Souza

Diretor Comercial
Roberto Santos

Jornalista Responsável
Nely Rossany

Endereço
Rua Tuim – 101 A
Moema - São Paulo - SP - CEP 04514-100.
Fone: (11) 3729-6600

Contatos
Redação - editor@gazetasp.com.br
Comercial - comercial@gazetasp.com.br

Diretor Presidente
Sergio Souza

Diretor Executivo
Daniel Villaça Souza

Diretor Comercial
Roberto Santos

Diretor de Negócios
Paulo Villaça Souza

Jornalista Responsável
Nely Rossany

Editorias
Brasil / Mundo / Estado / Capital / Grande São Paulo / Litoral / Vale do Ribeira / Serviços / Previdência / Variedades / Casa & Decoração / Turismo / Cinema

Colunistas
Pedro Nastri /
Nilson Regalado / Nilto Tatto/ Nilson Regalado/ Marcel Machado