últimas notícias

Fenômeno, Janaína Paschoal obtém 15 cadeiras para o PSL

A conquista é histórica, já que a Assembleia Legislativa nunca teve representantes do PSL e era considerada reduto tucano Da Reportagem De São Paulo

Com a maior votação da história entre candidatos para deputado no Brasil, a professora Janaina Paschoal (PSL) conseguiu 15 cadeiras para o partido na Assembleia Legislativa de São Paulo (Alesp). A conquista é histórica, já que a Alesp nunca teve representantes do PSL e era considerada reduto tucano.

Janaina obteve 2.060.786 votos e isso somado com os votos da legenda, o chamado quociente eleitoral, fez com que o partido conseguisse as mais de 10 cadeiras no Legislativo paulista.

Paschoal teve quatro vezes mais votos que o segundo colocado, Arthur Mamãe Falei (DEM), que se notabilizou na internet como militante antipetista e é integrante do MBL (Movimento Brasil Livre).
Arthur recebeu 478.280 votos. O PSL, de Bolsonaro e Paschoal, ainda garantiu o quinto candidato mais bem votado. Gil Diniz, autointitulado Carteiro Reaça, obteve 214.037 votos.

O PSDB perdeu mais da metade das cadeiras de deputado passando de 19 na atual gestão para apenas 8 no ano que vem. Por outro lado, o PSL se tornará a maior força na Alesp, já que contará com 15 cadeiras.

Das 94 cadeiras disponíveis, 56 serão ocupados por novatos. Dos 77 deputados estaduais que tentaram reeleição no último domingo, apenas 38 se elegeram. Esta é a maior renovação da Alesp em 24 anos. (Veja ao abaixo os deputados estaduais eleitos e o número de votos).


lista deputados estaduais GSP

Tops da Gazeta