últimas notícias

Doria diz que fala de filho de Bolsonaro foi equivocada

Doria classificou como equivocada a fala do deputado Eduardo Bolsonaro (PSL) de que bastam "um soldado e um cabo" para fechar o Supremo Por Folhapress De São Paulo

O candidato a governador João Doria (PSDB), que apoia Jair Bolsonaro (PSL) para a Presidência, classificou como equivocada a fala do deputado Eduardo Bolsonaro (PSL) de que bastam "um soldado e um cabo" para fechar o Supremo.

O tucano afirmou, durante compromisso de campanha em São José dos Campos, que o presidenciável já desautorizou a declaração do filho e que Eduardo pediu desculpas "pelo equívoco que cometeu".

"Como ele pediu desculpas, eu entendo que ela foi equivocada. Não é a visão do candidato Jair Bolsonaro sobre o Supremo nem sobre os juízes. E não é a minha, evidentemente", disse.

Doria afirmou também esperar "compostura" de seu adversário, Márcio França (PSB), no debate desta terça-feira (23) promovido por Folha de S.Paulo, UOL e SBT.

"Da minha parte, continuarei a defender boas propostas", disse ele, ao ser questionado sobre o clima conflagrado dos dois debates anteriores, com bate-boca entre os dois e troca de acusações.

Tops da Gazeta