últimas notícias

Testemunhas de massacre são ouvidas

As oitivas ocorrem no 1º Distrito Policial. Segundo o delegado, é esperado que todos os depoimentos sejam colhidos em até três dias Da Reportagem De São Paulo

Nesta segunda-feira (17) começaram oficialmente os depoimentos do caso do massacre na Catedral de Campinas, no interior paulista, que deixou seis mortos no último dia 11. As oitivas ocorrem no 1º Distrito Policial. Segundo o delegado, é esperado que todos os depoimentos sejam colhidos em até três dias.

A polícia espera ouvir o pai e a irmã do atirador E.F.G.. Além deles, vítimas que ficaram feridas e testemunhas presenciais também serão ouvidas. Um amigo do atirador se apresentou espontaneamente na última sexta-feira (14).

Nos próximos dias novas pessoas deverão ser intimadas a partir dos primeiros depoimentos.

Tops da Gazeta