últimas notícias

Filho é detido após mãe acionar 'Botão do Pânico' em Sorocaba

Homem de 31 anos ameaçou a mãe; ferramenta foi criada para auxiliar a garantia de medida protetiva concedida a mulheres Da Reportagem De São Paulo

Na tarde da última segunda-feira (27), a Guarda Civil de Sorocaba deteve um homem após o Botão do Pânico ser acionado. O fato ocorreu após a mãe receber ameaças de seu filho de 31 anos, que tem medida protetiva contra ele.

A equipe foi acionada pelo Centro de Operações e Inteligência (COI) para atender o acionamento do Botão do Pânico na zona norte da cidade do interior paulista. Chegando ao local, os GCMs abordaram o suspeito na garagem da casa da vítima.

O homem foi conduzido até a Delegacia de Defesa da Mulher (DDM) para elaboração do Boletim de Ocorrência, e foi autuado em flagrante delito por descumprimento da medida protetiva judicial. Ele foi encaminhado ao sistema prisional.

O Botão do Pânico é uma ferramenta criada para auxiliar a garantia de medida protetiva concedida a mulheres vítimas de agressão doméstica. Para ter acesso, a mulher deve registrar um boletim de ocorrência e, depois, aguardar que a Vara de Violência doméstica e o juiz responsável pelo caso liberem a medida protetiva.

Após ter acesso ao aplicativo, a mulher passa a poder acionar o botão pelo celular caso o agressor descumpra a decisão judicial.

Após o acionamento do botão, um aviso é enviado ao Centro de Operações e Inteligência da GCM, com a localização da vítima em tempo real.

Tops da Gazeta