Publicidade

X

TRÂNSITO EM SP

Greve: São Paulo registra 630 km de lentidão no trânsito

Na terça da semana passada (21), no mesmo horário, foram contabilizados 593 km

FRANCISCO LIMA NETO - FOLHAPRESS

Publicado em 28/11/2023 às 10:52

Atualizado em 28/11/2023 às 10:55

Comentar:

Compartilhe:

A-

A+

Publicidade

SP tem trânsito acima da média devido a greve / Arquivo/Agência Brasil

A lentidão no trânsito em São Paulo aumentou 6,2% nesta terça-feira (28) de acordo com dados da CET (Companhia de Engenharia de Tráfego). Em dia de greve do Metrô e da CPTM, foram registrados 630 km de lentidão no trânsito da capital paulista, às 8h.

Na terça da semana passada (21), no mesmo horário, foram contabilizados 593 km.

Faça parte do grupo da Gazeta no WhatsApp e Telegram.
Mantenha-se bem informado.

O índice atual é bem parecido com o da terça (14) da semana retrasada, quando foram contabilizados 631 km de lentidão no mesmo horário.

Nesta segunda-feira (27), também às 8h, o trânsito na capital paulista tinha 478 km de lentidão.

Na greve unificada ocorrida no último dia em 3 de outubro, foram registrados 598 km de congestionamento, às 8h. Na comparação, a de hoje gerou 32 km a mais de lentidão no trânsito.

O rodízio municipal de veículos foi suspenso pela prefeitura nesta terça em razão da greve.

Às 8h, a zona leste registrava 191 km de lentidão, a zona sul 188 km, a oeste 115 km, a norte apresentava 83 km, e a região central contabilizava 42 km, segundo a CET.

A paralisação reúne diferentes pautas e conta com trabalhadores do Metrô, da CPTM (Companhia Paulista de Trens Metropolitanos), da Sabesp (Companhia de Saneamento do Estado), professores da rede pública e de servidores da Fundação Casa.

A greve não afeta as linhas privatizadas do metrô (4-amarela e 5-lilás) e de trens metropolitanos (8-diamante e 9-esmeralda). No início da manhã, as linhas 1-azul, 2.verde e 3-vermelha operavam parcialmente. A linha 15-prata estava parada.

Na segunda-feira (27), a Justiça do Trabalho determinou que funcionários do Metrô trabalhem com 80% da capacidade total nos horários de pico desta terça, dia da greve unificada de várias categorias de funcionários públicos estaduais contra planos de privatização do governador de São Paulo, Tarcísio de Freitas (Republicanos).

Entre as pautas da nova paralisação unificada está novamente a privatização da Sabesp e de outros setores, como no transporte sobre trilhos.

O prefeito Ricardo Nunes (MDB) afirmou na manhã desta terça que a greve é ilegal.

"Essa situação que a gente está vivendo hoje na cidade de São Paulo, mais uma vez, pela terceira vez só esse ano, desse ato ilegal de um sindicato que insiste, inclusive, em não cumprir as determinações judiciais. A população de São Paulo refém, as pessoas querendo trabalhar, infelizmente, mais uma vez, nessa situação", disse.

Apoie a Gazeta de S. Paulo
A sua ajuda é fundamental para nós da Gazeta de S. Paulo. Por meio do seu apoio conseguiremos elaborar mais reportagens investigativas e produzir matérias especiais mais aprofundadas.

O jornalismo independente e investigativo é o alicerce de uma sociedade mais justa. Nós da Gazeta de S. Paulo temos esse compromisso com você, leitor, mantendo nossas notícias e plataformas acessíveis a todos de forma gratuita. Acreditamos que todo cidadão tem o direito a informações verdadeiras para se manter atualizado no mundo em que vivemos.

Para a Gazeta de S. Paulo continuar esse trabalho vital, contamos com a generosidade daqueles que têm a capacidade de contribuir. Se você puder, ajude-nos com uma doação mensal ou única, a partir de apenas R$ 5. Leva menos de um minuto para você mostrar o seu apoio.

Obrigado por fazer parte do nosso compromisso com o jornalismo verdadeiro.

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

ÁGUA NA BOCA

Não sabe qual sobremesa fazer na Páscoa? confira 4 receitas fáceis de fazer

Cozinheiro deu 4 dicas de receitas de sobremesas para fazer no domingo de Páscoa; confira nesta reportagem da Gazeta

HISTÓRIAS E BIOGRAFIA

Ana Hickmann, 43 anos: Conheça história e polêmicas da apresentadora

Apresentadora, modelo e empresária de sucesso; Ana Hickmann tem uma carreira repleta de curiosidades

©2021 Gazeta de São Paulo. Todos os Direitos Reservados.

Layout

Software

Newsletter