X

EM HOSPITAL

Vila Nova Cachoeirinha: Prefeitura entrega reforma de pronto-socorro

Hospital Vila Nova Cachoeirinha, na zona norte de São Paulo, é referência no atendimento humanizado a gestantes e bebês

Bruno Hoffmann

Publicado em 05/01/2023 às 14:02

Atualizado em 05/01/2023 às 14:09

Comentar:

Compartilhe:

A-

A+

Hospital Vila Nova Cachoeirinha após a reforma do pronto-socorro / Marcelo Pereira/Secom

A Prefeitura de São Paulo entregou nesta quinta-feira a reforma do pronto-socorro do Hospital Municipal Maternidade-Escola Vila Nova Cachoeirinha, na zona norte da cidade. Os investimentos foram de R$ 280 mil.

Segundo a gestão municipal, o setor foi totalmente modernizado e passou a contar com duas salas de classificação de risco, em vez de uma, o que permitirá maior agilidade na triagem.

Houve a reforma, ainda segundo a prefeitura, de quatro consultórios e salas de cardiotocografia (exame que avalia a vitalidade fetal antes do nascimento), de medicação, de emergência, de observação, de ultrassom e a sala admissional para a remoção de paciente. Além disso, a sala de espera foi ampliada.

A unidade possui capacidade mensal para atender cerca de cinco mil consultas ambulatoriais e quatro mil no pronto-socorro.

“O Hospital e Maternidade Vila Nova Cachoerinha é um equipamento muito importante para a cidade e está com um espaço mais adequado para o atendimento. Além da prefeitura estar ampliando o número de equipamentos da rede, também está readequando os já existentes para atender melhor a população”, afirmou o prefeito Ricardo Nunes (MDB).

O Hospital Vila Nova Cachoeirinha completou 50 anos de atuação em dezembro e é referência no atendimento humanizado a gestantes e bebês. Considerado o “berço da neonatologia” no Brasil, a maternidade-escola é responsável pela formação de gerações de médicos nessa  especialidade.

Nos últimos 20 anos, mais de 200 mil crianças nasceram na instituição.

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

O Santo Casamenteiro

Dia de Santo Antônio: conheça o padroeiro que prepara casamentos

Veja a história e os milagres de Santo Antônio, um dos santos mais queridos e venerados da Igreja Católica.

SAÚDE DOS BEBÊS

Em alta em SP, governo estadual alerta para vacinação contra coqueluche

Doença afeta, principalmente, bebês de até 1 ano, mas pode ser prevenida com ciclo completo de imunização

©2021 Gazeta de São Paulo. Todos os Direitos Reservados.

Layout

Software

Newsletter