últimas notícias

Ladrão que roubou padaria perto de delegacia em Taboão da Serra é preso

Assalto aconteceu na última terça-feira (24), a poucos metros da Delegacia Seccional, no centro de Taboão da Serra Da Reportagem De São Paulo

Investigadores da Polícia Civil de Taboão da Serra prenderam na quinta-feira, o assaltante que roubou a padaria La Ville, no centro da cidade, na última terçafeira. O estabelecimento fica a poucos metros da Delegacia Seccional e do 1º DP da cidade.

Os policiais chegaram até o criminoso após testemunhas denunciarem a placa do veículo usado no crime.

Segundo o delegado titular da 1ª Delegacia de Polícia de Taboão da Serra, Dr. Altamiro Nunes, uma denúncia anônima ajudou no início das investigações. “Colhemos algumas informações ainda no calor do fato, ele chegou a ser seguido por alguns populares que nos passaram as características do veículo, um Gol e fragmentos da placa”.

A polícia começou a juntar as informações e chegou até um perfil no Facebook, onde uma foto havia sido postada com as mesmas características do carro usado na fuga. “Após esse levantamento fomos até o local onde o veículo estava registrado, lá foi feito contato com o proprietário, de nome Bruno”.

Dr. Altamiro afirma que a princípio, ele havia negado a participação no assalto. “Depois de te franqueada a entrada da polícia em sua residência, foi encontrada as roupas usadas no dia do crime que coincidem com as que estão nas imagens das câmeras de segurança da padaria. Ele acabou confessando o crime e disse que usou o dinheiro para pagar dois aluguéis atrasados, a água e também para comprar drogas”.

Preso na delegacia, os policiais descobriram que Bruno é reincidente, já havia ficado preso por três anos por roubo e estava com a carteira de comparecimento judicial. Ele também teria participado de outro roubo em Taboão da Serra antes de praticar o assalto na padaria La Ville. A Polícia Civil pediu a prisão temporária do acusado e em seguida irá pedir a prisão preventiva. Ele será transferido para o CDP de Itapecerica da Serra.

Ação rápida

As câmeras de vigilância da padaria registraram a ação do criminoso. Durante alguns minutos ele fica na fila do caixa, visivelmente impaciente. Em seguida ele aborda uma das funcionárias da La Ville e abre uma mochila, anunciado ao assalto e simulando que portava uma arma. “Ele agiu na famigerada prática do sapo, fingiu que estava armado”.

De acordo com informações levantadas pela reportagem, o criminoso roubou cerca de R$ 1.800 dos quatro caixas. O dinheiro não foi recuperado. Sobre a participação de um cúmplice, o delegado descartou essa possibilidade. “Ele agiu sozinho, chegou até os caixas e simulou que tinha uma arma na mochila, anunciou o assalto e levou o dinheiro”.


*Matéria produzida por Eduardo Toledo, especial para a Gazeta de S.Paulo

Tops da Gazeta