últimas notícias

Taboão atinge 94% da meta de vacinação contra a pólio e sarampo

Em Taboão, cerca de 94,2% das crianças entre 1 a 4 ano e 11 meses tomaram a imunização. Já em Embu das Artes 93,5% das crianças foram vacinadas. Vacinação segue até dia 14 Por Matheus Herbert De São Paulo

O município de Taboão da Serra está próximo de atingir a meta de vacinação contra a poliomielite (pólio) e o sarampo. A meta de todas as cidades do País é de 95%, e o Ministério da Saúde precisou prorrogar a campanha até o dia 14 para que a meta fosse atendida. Em Taboão cerca de 94,2% das crianças entre 1 a 4 ano e 11 meses tomaram a imunização. Já em Embu das Artes 93,5% das crianças foram vacinadas. Os dados de Itapecerica da Serra não foram divulgados. A média de vacinação no País está em 88%.

De acordo com a Prefeitura de Taboão da Serra, foram aplicadas 14.225 doses. O município conta com 15.100 crianças.

A secretária de Saúde de Taboão da Serra, Dra. Raquel Zaicaner diz que a meta de vacinar 95% do público-alvo é pelo chamado efeito manada. “Eu tenho que ter esses 95% vacinados para que protejam esses outros 5% que não se vacinaram. Agora se eu tiver apenas 60%, os 40% colocam em risco toda a população”, disse.

Ainda de acordo com Zaicaner, “existem as mais diversas teorias conspiratórias malucas para justificar não se vacinar. Já ouvi que se trata do domínio imperialista, uma forma de dominação da população. Têm quem fale que a vacina causa autismo, outros que a vacina tem teor de mercúrio alto, que causa problemas mentais ou que a vacina está pra vencer. São muitas teorias, as pessoas são muito criativas para inventar. Mas nenhuma é verdadeira. O ser humano deu um salto enorme quando criou a vacina”, finalizou a secretária de saúde.

As unidades básicas de Saúde de Taboão da Serra funcionam de segunda a sexta das 8 às 17 horas.

Brasil

Os estados que atingiram a meta de vacinação são Amapá, Santa Catarina, Pernambuco, Rondônia, Espírito Santo, Sergipe e Maranhão.

O Rio de Janeiro continua com o menor índice de vacinação, seguido por Roraima, Pará, Piauí, Distrito Federal, Acre, Bahia, Rio Grande do Sul, São Paulo, Alagoas, Rio Grande do Norte e Amazonas.

Em todo o país, foram aplicadas mais de 19,7 milhões de doses das vacinas (cerca de 9,8 milhões de cada).

Tops da Gazeta