últimas notícias

Grande SP tem 104 ônibus por dia quebrados ou com falha

Entre janeiro e agosto deste ano foram 25.091 ocorrências de falhas ou quebra Da Reportagem De São Paulo

Entre janeiro e agosto deste ano, a Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos (EMTU), que é responsável pelo transporte público intermunicipal de 39 cidades da região metropolitana de São Paulo, registrou 25.091 ocorrências envolvendo falhas nos veículos ou ônibus quebrados. A média é de 3.136 falhas ou quebras por mês ou 104 por dia. Os dados foram obtidos pela reportagem do “Diário do Transporte” por meio da Lei de Acesso à Informação.

No ano de 2017, a situação foi ainda pior, já que o número acumulado de quebras foi maior ainda: 30.375 entre janeiro e agosto e de 43.436 em todo o ano.

Segundo a EMTU, a quantidade de ônibus em circulação subiu do ano passado para este ano. Em 2017, eram 4.518 ônibus registrados no sistema regular na Grande São Paulo e nesse ano o número subiu para 4.496 veículos.

Ainda segundo a EMTU, o índice de quebra é baixo se for levada em consideração a quilometragem percorrida nas linhas.

Região

Entre janeiro e agosto, a maior parte dos casos de quebras e falhas de ônibus metropolitanos aconteceu na região sudoeste da Grande São Paulo, formada pelos municípios de Embu das Artes, Embu-Guaçu, Itapecerica da Serra, Juquitiba, São Lourenço da Serra, Taboão da Serra, Vargem Grande Paulista e Cotia. A região sudoeste da Grande SP, conta com cerca de 866 ônibus
intermunicipais.

Neste período, foram 8.442 casos de falhas e quebras.

Tops da Gazeta