últimas notícias

Hospital vai apurar queda de elevador que feriu pacientes

Segundo o hospital, os elevadores da unidade passam por manutenção preventiva regularmente, sendo que a última ocorreu no mês de outubro Por Matheus Herbert De São Paulo

O Hospital Geral de Pirajussara (HGP) em Taboão da Serra, na Grande São Paulo, abriu uma sindicância interna para apurar as causas da queda de um elevador na última sexta-feira (2). O acidente deixou ao menos 13 pessoas feridas. As causas do acidente até a tarde de ontem ainda eram investigadas.

Segundo uma nota da Associação Paulista de Desenvolvimento para Medicina (SPDM), responsável pela administração do hospital, enviada à Gazeta “os elevadores da unidade passam por manutenção preventiva regularmente, sendo que a última ocorreu no mês de outubro. O equipamento em questão encontra-se em manutenção, porém, os outros três elevadores da unidade permanecem em funcionamento. O hospital prestou toda a assistência necessária aos envolvidos na ocorrência, que foram encaminhados ao seu Pronto-Atendimento para avaliação. Ninguém precisou ser internado”, informou

O HGP é administrado pela Secretária Estadual da Saúde e é referencial para cerca de 500 mil pessoas da região sudoeste da Grande São Paulo. No local é feito procedimentos de alta complexidade, como atendimentos clínicos e cirúrgico em especialidades como neurocirurgia, oftalmologia, pediatria e cirurgia cardíaca.

Tops da Gazeta