últimas notícias

Ônibus tem aumento de até 8% na Grande São Paulo

Em São Bernardo do Campo, no ABC Paulista, a tarifa passou de R$ 4,40 para R$ 4,75 Por Matheus Herbert De São Paulo

Os moradores de Diadema, Santo André e São Bernardo do Campo vão começar o ano pagando mais caro na tarifa de ônibus. O valor da passagem nas três cidades, subiu cerca de 8% e ultrapassou o percentual autorizada referente a inflação acumulada de janeiro a novembro de 2018, que era de 3,54%

Em São Bernardo do Campo a nova tarifa já entrou em vigor e passou de R$ 4,40 para R$ 4,75, uma alta de 8%. Já no próximo domingo, dia 6 de janeiro, entra em vigor o novo valor de passagem nas cidades de Diadema e Santo André.

De acordo com a Prefeitura de Diadema, a tarifa passará de R$ 4,40 para R$ 4,65, um reajuste de 5,5%. Já em Santo André a passagem passa de R$ 4,40 para R$ 4,75, uma alta de 8%.

Além dessas cidades, a tarifa também foi reajustada nas cidades de Osasco e Itapevi. Em ambas as cidades a passagem passou de R$ 4,35 para R$ 4,50, respeitando a inflação de 3,5% no valor.

A Prefeitura de Osasco divulgou na manhã de ontem que “informou que os cartazes com a informação do reajuste foram afixados nos ônibus com uma antecedência mínima de dois dias, respeitando um decreto municipal. A prefeitura disse também que, em 2017, as concessionárias entregaram 45 novos ônibus com ar-condicionado e acessibilidade. E que este ano serão mais 90”.

Ainda segundo a prefeitura, as empresas de ônibus queriam que a tarifa ficasse em mais de R$ 5, mas o percentual autorizado foi de 3,54%.

Tops da Gazeta