últimas notícias

Fernandes anuncia novas UBSs, reformas e novo asfalto em Taboão

Após a Câmara Municipal aprovar um empréstimo de R$ 30 milhões, que será contraindo junto à Caixa, o prefeito detalhou as obras que pretende iniciar nos próximos meses Por Portal O Taboanense Da Grande São Paulo

O prefeito Fernando Fernandes anunciou, em entrevista exclusiva ao "Portal O Taboanense" na última semana, uma série de ações que serão realizadas nos próximos 18 meses em Taboão da Serra.

Após a Câmara Municipal aprovar um empréstimo de R$ 30 milhões, que será contraindo junto à Caixa Econômica Federal, o prefeito detalhou as obras que pretende iniciar nos próximos meses.

Entre as obras estão a construção de duas novas Unidades Básicas de Saúde, a ampliação da UBS do Jardim das Margaridas, uma ampla reforma e a implantação novos projetos educacionais no Parque das Hortênsias e um programa de recapeamento de diversas ruas e avenidas.

Fernandes disse que discutiu com os vereadores de base os projetos que eram considerados prioritários. "Temos alguns problemas na cidade. Por exemplo, temos diversas ruas, que, mesmo recebendo a Operação Tapa Buraco, estão em mau estado de conservação. A malha viária está desgastada, muito ondulada. Então vamos utilizar R$ 12 milhões em recapeamento de várias vias, para melhorar o tráfego na nossa cidade".

Na área de saúde, os investimentos serão priorizados. Segundo apurou a reportagem, serão investidos R$ 8 milhões para a construção de duas Unidades Básicas de Saúde, uma no Jardim Trianon e outra no Parque Laguna, cada uma irá atender uma população estimada em 20 mil cada uma.

Ainda na área da saúde, Fernandes disse que a prefeitura irá construir um prédio planejado para abrigar o Centro de Reabilitação, uma unidade especializada em fisioterapia, no Jardim Guaciara, na estrada das Olarias.

Já no Parque das Hortênsias, Fernandes disse que irá investir outros R$ 3 milhões para a construção de "estações" espalhadas pelo local. Ensino do Meio Ambiente, Educação de Trânsito e uma de Ciências serão as ligadas às secretarias de Educação e de Cultura para disseminar conhecimento, principalmente par aos alunos da rede pública.

Tops da Gazeta