últimas notícias

Prefeito de Osasco recebe alta de hospital após 12 dias internado

Casal foi atingido por uma explosão de uma fogueira durante o tradicional Arraiá do Servidor Da Reportagem De São Paulo

O prefeito de Osasco, na região metropolitana de São Paulo, Rogério Lins, e a primeira-dama, Aline Lins, receberam alta médica do Hospital Municipal Antônio Gioglio, na manhã desta quarta-feira (10).

Eles estavam internados desde o dia 28 de junho, após terem sido atingidos pela explosão de uma fogueira durante evento conhecido como Arraiá do Servidor.

O prefeito, ao lado de sua esposa deram uma coletiva de imprensa após a alta. Lins ressaltou que apesar o acidente o tradicional evento vai continuar em 2020. "O formato do evento é maravilhoso. É um evento solidário com o cunho de atender a uma campanha solidária de fim de ano. Um evento que contempla mais de 50 mil crianças na cidade no Natal. O arraial não vai parar, a gente vai rever algumas questões, mas o evento não para".

Perguntado sobre as investigações, ele foi categórico em responder que não está acompanhando, mas que "não quer acreditar que houve dolo".

O prefeito ainda agradeceu ao apoio e orações que recebeu, à equipe médica e comemorou a alta.

Em nota, a prefeitura de Osasco informou que o "tratamento do prefeito e da primeira-dama se dará em casa e ambos seguirão todas as recomendações médicas, retomando seus compromissos aos poucos".

Acidente

A fogueira explodiu no momento em que o prefeito de Osasco, Rogério Lins, e a primeira-dama, Aline Lins tentaram acendê-la. No vídeo, é possível ver altas labaredas. O público não se feriu, graças à grades de contenção que cercavam a fogueira.

Tops da Gazeta