Edição de Hoje capa
Edições Anteriores
 
Terça, 09 Abril 2019 17:11

Pesquisa revela que gasto com ovo de páscoa deve chegar até R$100 na Baixada Santista

A pesquisa de expectativa realizada pelo SincomércioBS, entre março e abril, revela 64% das respostas apontando este valor
O produto mais procurado é o clássico ovo de chocolate ao leite, que angariou 70% das intenções O produto mais procurado é o clássico ovo de chocolate ao leite, que angariou 70% das intenções Nair Bueno/Diário do Litoral
Por Diário do Litoral
De Santos

Em 2019, os presentes de Páscoa não devem ultrapassar o total de R$ 100 para os moradores de Santos e região. É o que revela a pesquisa de expectativa realizada pelo Sindicato do Comércio Varejista da Baixada Santista (SincomércioBS), entre março e abril, com 64% das respostas apontando este valor. Já o produto mais procurado é o clássico ovo de chocolate ao leite, que angariou 70% das intenções. Já os itens de menor custo, como caixas de bombons, contabilizaram 48%, e barras de chocolate 37%.

Quem pretende desembolsar entre R$ 100 e R$ 200 representa 30%, enquanto 6% escolherão aquisições na faixa dos R$ 200 a R$ 300.

Os principais aspectos que fazem a diferença na hora da compra são as promoções (73%), e o bom atendimento (70%). Em seguida, classificam-se vitrines bem arrumadas ou chamativas, com 28%, e um produto diferente ou novo no mercado, com 20%. Propagandas no rádio, TV ou jornais atraem apenas 5%.

Quando se trata da forma de pagamento, a grande parte (62%) irá utilizar dinheiro. O cartão de débito soma 25% e o de crédito, 13%.

Vendas

Para 58% dos lojistas regionais, a época de Páscoa proporcionará alta no faturamento em relação ao mesmo período do ano passado. Entre estes, 47% estimam crescimento de 5% a 10%. Igualmente divididos (22%), estão os que aguardam o acréscimo nas faixas "até 5%" e "10% a 15%". A alternativa "acima de 15%" pontuou.

Contratações temporárias

Enquanto 73% dos empreendedores não planejam contratar ajuda extra, 27% se mostram interessados em novos colaboradores. O número de funcionários temporários varia, principalmente, entre 1 (66%), 2 (20%). Dividindo o terceiro lugar na colocação, estão os que desejam 3 pessoas e 5 ou mais (7%). Sem nenhuma adesão, "4" arrecadou 0%.

O levantamento foi realizado entre os dias 19 de março e 8 abril, com 150 entrevistados (consumidores da região e empresas).

Gazeta SP

Endereço
Rua Tuim – 101 A
Moema - São Paulo - SP - CEP 04514-100.
Fone: (11) 3729-6600

Contatos
Redação - editor@gazetasp.com.br
Comercial - comercial@gazetasp.com.br

Diretor Presidente
Sergio Souza

Editorias
Brasil / Mundo / Estado / Capital / Grande São Paulo / Litoral / Vale do Ribeira / Serviços / Previdência / Variedades / Casa & Decoração / Turismo / Cinema

Colunistas
Pedro Nastri /
Nilson Regalado / Nilto Tatto/ Nilson Regalado/ Marcel Machado

Diretor Executivo
Daniel Villaça Souza

Diretor de Negócios
Paulo Villaça Souza

Diretor Comercial
Roberto Santos

Jornalista Responsável
Nely Rossany

Endereço
Rua Tuim – 101 A
Moema - São Paulo - SP - CEP 04514-100.
Fone: (11) 3729-6600

Contatos
Redação - editor@gazetasp.com.br
Comercial - comercial@gazetasp.com.br

Diretor Presidente
Sergio Souza

Diretor Executivo
Daniel Villaça Souza

Diretor Comercial
Roberto Santos

Diretor de Negócios
Paulo Villaça Souza

Jornalista Responsável
Nely Rossany

Editorias
Brasil / Mundo / Estado / Capital / Grande São Paulo / Litoral / Vale do Ribeira / Serviços / Previdência / Variedades / Casa & Decoração / Turismo / Cinema

Colunistas
Pedro Nastri /
Nilson Regalado / Nilto Tatto/ Nilson Regalado/ Marcel Machado