Edição de Hoje capa
Edições Anteriores
 
Sábado, 17 Agosto 2019 11:44

Gracinha faz 3 meses à frente da prefeitura de Ilhabela

Há 90 dias como chefe do executivo, Maria das Graças Ferreira, mais conhecida como Gracinha, fala sobre a grande responsabilidade de assumir a prefeitura
Maria das Graças Ferreira, mais conhecida como Gracinha (PSD), assumiu a Prefeitura de Ilhabela após a cassação do mandato de Márcio Tenório Maria das Graças Ferreira, mais conhecida como Gracinha (PSD), assumiu a Prefeitura de Ilhabela após a cassação do mandato de Márcio Tenório Divulgação/PMI
Da Reportagem
Do Litoral Norte

Há 90 dias como chefe do executivo, Maria das Graças Ferreira, mais conhecida como Gracinha (PSD), fala sobre a grande responsabilidade de assumir a Prefeitura de Ilhabela, após o afastamento de Márcio Tenório, pela Polícia Federal e cassação do mandato pela Câmara Municipal, em processos que apuram supostas irregularidades administrativas.

Durante os três meses de gestão, a atual prefeita enfrenta os desafios de universalizar o saneamento básico, conter a ocupação desordenada, promover o turismo sustentável, além de outras ações, com o objetivo de proporcionar ao arquipélago uma gestão eficiente, qualidade de vida, preservação e investimento na população local.

Gazeta de S. Paulo - Qual sua avaliação dos 90 dias de gestão?

Maria das Graças - Em um primeiro momento nos inteiramos, apesar de saber que era vice-prefeita, podendo assumir a missão, não achei que seria dessa maneira, mas minha avaliação hoje é que realmente sinto que estamos alcançando nosso objetivo. Há muitas dificuldades, não está sendo fácil, mas já conseguimos andar com diversas licitações, como muro, vielas, iluminação, trazendo muita confiança. Temos consciência do compromisso e grande expectativa do povo. Digo que estamos no caminho certo com muito empenho, dedicação, para fazermos e darmos o nosso melhor por Ilhabela


GSP - Qual a prioridade da Administração?

MG - Nossa prioridade é o saneamento básico, a questão do lixo, além de resolver a questão das podas e Resíduos de Construção Civil [RCC], deixarmos a cidade limpa. Entre as ações está o Programa Carona Legal, que vai ajudar a solucionar o antigo problema de esvaziamento do aterro, além de retirar os resíduos de podas e construção civil. A lei foi sancionada há cerca de um mês, assim iniciamos o credenciamento dos caminhoneiros do município, com o objetivo também de ajudar a geração de renda da nossa população, com mão de obra exclusiva da cidade. Para o saneamento, já há várias licitações, as obras da região sul atingirão a marca de 32 km de rede de esgoto. Para abastecimento de água vai começar a construção para o aumento dos reservatórios, elevando suas capacidades em mais de três milhões de litros, suprindo com grandes investimentos as necessidades deixadas pelas gestões anteriores.


GSP - Quais as medidas da gestão para combater o crescimento desordenado?

MG - Tivemos agora um TAC assinado por mim, que traz o monitoramento e abordagem na balsa, formado por equipes de profissionais capacitados, para ter um controle da população. Já estamos licitando as cabines que serão colocadas nos núcleos habitacionais, com vigilância 24 horas, controlando a entrada de material. Ninguém está proibido de construir desde que tenha o alvará da prefeitura. Também estamos licitando a aquisição de drones para o monitoramento aéreo, além do programa de regularização fundiária. Lembrando que 85% do arquipélago pertence ao Parque Estadual e por isso temos que cuidar.


GSP - Quais são ações para o turismo na cidade?

MG - Vamos preparar nossa população para atuar na área, como exemplo temos as ações nas comunidades que geram oportunidades para tornar os caiçaras guias turísticos, além disso no PAT [Posto de Atendimento ao Trabalhador] estamos investindo em cursos para capacitação de mão de obra, entre eles aulas de línguas estrangeiras.


GSP - Quais são ações de combate à violência?

MG - Temos investido muito no combate à violência, em conjunto com a Polícia Militar e Civil. Já estamos também promovendo as ações para investir no Centro de Monitoramento com colocação de câmeras em pontos estratégicos e controle na balsa, além de reforçar as atividades da ação delegada.


GSP - Existe algum projeto para melhorar o serviço de balsa?

MG - Temos o compromisso do governador, João Doria, de campanha, que defende a terceirização e modernização das balsas. Há dez dias estivemos com presidente da Dersa [Desenvolvimento Rodoviário S.A], que garantiu o empenho para ações de melhoria


GSP - A senhora pensa em disputar as eleições do ano que vem?

MG - Acho que é muito cedo para falar de reeleição, tenho um projeto, primeiro tenho que realizar esse projeto.


GSP - Como a senhora espera que a cidade esteja ao final do seu mandato em 2020?

MG - Com a universalização avançada do saneamento básico, com a questão do lixo resolvida, um município diferente, com pelo menos 50% dos nossos objetivos atingidos diante do pouco tempo que temos.


GSP - E, por fim, quais são os planos para o aniversário de Ilhabela?

MG - A cidade completa 214 anos em 3 de setembro. Teremos o desfile estudantil e cívico, e durante o mês faremos diversas ações, haverá os tradicionais shows, inclusive pela primeira vez realizaremos comemorações nas comunidades tradicionais. Ainda entregaremos oito casas no bairro da Barra Velha e a primeira residência do projeto "Casa Caiçara" das comunidades tradicionais, no Saco do Sombrio, além das reformas de algumas escolas realizadas nesse curto tempo.


*Por Thalita Rocha

Gazeta SP

Endereço
Rua Tuim – 101 A
Moema - São Paulo - SP - CEP 04514-100.
Fone: (11) 3729-6600

Contatos
Redação - editor@gazetasp.com.br
Comercial - comercial@gazetasp.com.br

Diretor Presidente
Sergio Souza

Editorias
Brasil / Mundo / Estado / Capital / Grande São Paulo / Litoral / Vale do Ribeira / Serviços / Previdência / Variedades / Casa & Decoração / Turismo / Cinema

Colunistas
Pedro Nastri /
Nilson Regalado / Nilto Tatto/ Nilson Regalado/ Marcel Machado

Diretor Executivo
Daniel Villaça Souza

Diretor de Negócios
Paulo Villaça Souza

Diretor Comercial
Roberto Santos

Jornalista Responsável
Nely Rossany

Endereço
Rua Tuim – 101 A
Moema - São Paulo - SP - CEP 04514-100.
Fone: (11) 3729-6600

Contatos
Redação - editor@gazetasp.com.br
Comercial - comercial@gazetasp.com.br

Diretor Presidente
Sergio Souza

Diretor Executivo
Daniel Villaça Souza

Diretor Comercial
Roberto Santos

Diretor de Negócios
Paulo Villaça Souza

Jornalista Responsável
Nely Rossany

Editorias
Brasil / Mundo / Estado / Capital / Grande São Paulo / Litoral / Vale do Ribeira / Serviços / Previdência / Variedades / Casa & Decoração / Turismo / Cinema

Colunistas
Pedro Nastri /
Nilson Regalado / Nilto Tatto/ Nilson Regalado/ Marcel Machado