Edição de Hoje capa
Edições Anteriores
 
Sexta, 06 Setembro 2019 11:42

Ubatuba confirma primeiro caso de sarampo na cidade

Trata-se de um garoto de 8 anos, morador da região central, o menino passa bem; há ainda outros 20 casos suspeitos, aguardando resultado de exame
A prefeitura informa que os casos suspeitos devem ser comunicados imediatamente à Vigilância Epidemiológica A prefeitura informa que os casos suspeitos devem ser comunicados imediatamente à Vigilância Epidemiológica Marcelo Camargo/Agência Brasil
Da Reportagem
Do Litoral Norte

O município de Ubatuba já apresenta um caso confirmado de sarampo, conforme boletim divulgado na tarde de terça-feira (3), pela Vigilância em Saúde da Prefeitura de Ubatuba. Trata-se de um garoto de 8 anos, morador da região central. Segundo a Administração, o menino passa bem. Há ainda outros 20 casos suspeitos, aguardando resultado de exame. Desse total, a maior parte - 14 casos - é de crianças e adolescentes entre 6 meses e 19 anos de idade.

A prefeitura informa que os casos suspeitos devem ser comunicados imediatamente à Vigilância Epidemiológica pelo telefone (12) 3832-1548 ou pelo e-mail Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo. para que o órgão consiga atuar rapidamente na contenção de novos casos. Além disso, é necessário manter a criança ou adulto em isolamento (dentro de casa) até receber o contato e outras orientações da vigilância.

Doença

A doença viral aguda é altamente contagiosa e sua transmissão é direta, de pessoa a pessoa, por meio das secreções expelidas pelo doente ao tossir, falar ou respirar e que permanecem dispersas no ar, principalmente em ambientes fechados como, por exemplo, escolas, creches, clínicas, meios de transporte.

Pode estar com a doença qualquer indivíduo, adulto ou criança, que apresente febre e exantema (manchas na pele) acompanhada de um ou mais dos seguintes sintomas: tosse, coriza (nariz escorrendo), conjuntivite, independente de situação vacinal. Os sintomas aparecem em média de 10 a 12 dias a partir da data da exposição. As pessoas infectadas são geralmente contagiosas cerca de 5 dias antes do aparecimento da erupção cutânea até 5 dias depois.

Gazeta SP

Endereço
Rua Tuim – 101 A
Moema - São Paulo - SP - CEP 04514-100.
Fone: (11) 3729-6600

Contatos
Redação - editor@gazetasp.com.br
Comercial - comercial@gazetasp.com.br

Diretor Presidente
Sergio Souza

Editorias
Brasil / Mundo / Estado / Capital / Grande São Paulo / Litoral / Vale do Ribeira / Serviços / Previdência / Variedades / Casa & Decoração / Turismo / Cinema

Colunistas
Pedro Nastri /
Nilson Regalado / Nilto Tatto/ Nilson Regalado/ Marcel Machado

Diretor Executivo
Daniel Villaça Souza

Diretor de Negócios
Paulo Villaça Souza

Diretor Comercial
Roberto Santos

Jornalista Responsável
Nely Rossany

Endereço
Rua Tuim – 101 A
Moema - São Paulo - SP - CEP 04514-100.
Fone: (11) 3729-6600

Contatos
Redação - editor@gazetasp.com.br
Comercial - comercial@gazetasp.com.br

Diretor Presidente
Sergio Souza

Diretor Executivo
Daniel Villaça Souza

Diretor Comercial
Roberto Santos

Diretor de Negócios
Paulo Villaça Souza

Jornalista Responsável
Nely Rossany

Editorias
Brasil / Mundo / Estado / Capital / Grande São Paulo / Litoral / Vale do Ribeira / Serviços / Previdência / Variedades / Casa & Decoração / Turismo / Cinema

Colunistas
Pedro Nastri /
Nilson Regalado / Nilto Tatto/ Nilson Regalado/ Marcel Machado