Publicidade

X
LUTO

Morre Maradona, uma das estrelas do futebol mundial, aos 60 anos

Futebolista estava em sua casa quando sofreu uma parada cardiorrespiratória; governo argentino declarou luto oficial de três dias

Publicidade

Maradona / MARCOS BRINDICCI/ASSOCIATED PRESS

A lenda do futebol mundial Diego Armando Maradona morreu na manhã desta quarta-feira, aos 60 anos, após sofrer uma parada respiratória. De acordo com a imprensa argentina, ele estava em sua casa, em Tigre, cidade vizinha de Buenos Aires.

A saúde do ex-jogador já estava precária desde o início deste mês, quando ele foi operado de um hematoma subdural e depois, por decisão familiar e médica, permaneceu hospitalizado devido a uma "baixa anímica, anemia e desidratação" e um quadro de abstinência devido ao vício em álcool.

O governo da Argentina declarou luto oficial de três dias após a morte de Maradona.

Carreira

Diego Armando Maradona nasceu em 30 de outubro de 1960 em Lanús, na província de Buenos Aire. Ele era técnico do Gimnasia y Esgrima, um pequeno time argentino.

Maradona começou a sua carreira futebolística no Argentinos Juniors, ao ser revelado com 15 anos.

Em seguida, foi contratado pelo Barcelona, onde atuou entre 1982 e 1984. Na época, foi a transferência mais cara do futebol: US$ 8 milhões. Anos depois, foi para o Napoli, onde conquistou uma Copa da Uefa, dois Campeonatos Italianos, uma Copa e uma Supercopa da Itália.

Maradona deixa três filhas (Dalma, Gianinna, Jana) e dois filhos (Diego e Diego Fernando).

Deixe a sua opinião

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Democracia

Fachin defende urnas e se opõe às fake news em mensagem para mobilização de 11 de agosto

Declarações do presidente do TSE foram feitas em meio a insinuações golpistas e ataques do presidente Jair Bolsonaro ao sistema eleitoral

INCLUSÃO

Taboão da Serra realiza eleição para Conselho da Pessoa com Deficiência

No total serão eleitos 20 membros, sendo dez titulares e dez suplentes

©2021 Gazeta de São Paulo. Todos os Direitos Reservados.

Layout

Software