últimas notícias

Feira de turismo espera reunir 23 mil

Os organizadores esperam reunir 23 mil pessoas, entre profissionais da área, visitantes e expositores. A feira segue até o dia 28 no Parque de Exposições do Anhembi Por Folhapress

Começou ontem em São Paulo a 46ª edição da Expo Internacional de Turismo, promovida pela Abav (Associação Brasileira de Agências de Viagens).Os organizadores esperam reunir 23 mil pessoas, entre profissionais da área, visitantes e expositores. A feira, que segue até o dia 28, ocorre no Parque de Exposições do Anhembi, na zona norte de São Paulo. São esperados mais de mil expositores.

Também terá rodadas de negócios e palestras, além do 50º Encontro Comercial da Braztoa (Associação Brasileira das Operadoras de Turismo), entidade de apoio ao desenvolvimento do setor.

O setor se reúne em um momento de fraqueza da economia que chegou ao turismo e de um dólar mais caro, acima dos R$ 4, que encarece viagens ao exterior.

De acordo com a última pesquisa de serviços do IBGE, o índice de atividades turísticas recuou 1,7% na passagem de junho para julho de 2018, eliminando, assim, o avanço de 0,9% registrado no mês anterior.

Os principais recuos foram registrados no Rio de Janeiro (queda de 7%), Distrito Federal (-15,1%) e São Paulo (-0,7%).

A queda de São Paulo contrastou com o avanço acumulado de março a junho deste ano (15,3%).

“Em sentido oposto, as atividades turísticas do Ceará (7,4%) mostraram o avanço mais importante entre os locais, após terem recuado em junho último (-1,5%)”, informou o IBGE.

Na comparação com julho de 2017, a retração foi de 1,8%, pressionada, principalmente, pela queda dos serviços de transporte aéreo de passageiros (devido à queda nos preços das passagens) e de restaurantes. Segmentos de hotéis e de operadores turísticos, por outro lado, cresceram.

Tops da Gazeta