X

Brasil

Assaltantes explodem caixas eletrônicos e matam homem no Paraná

15 homens divididos em quatro veículos explodiu na madrugada desta sexta (5), caixas eletrônicos dos bancos Itaú, Bradesco e Sicoob na Região Metropolitana de Curitiba Por Estadão Conteúdo

dothCom Consultoria Digital

Publicado em 05/10/2018 às 19:30

Comentar:

Compartilhe:

A-

A+

Publicidade

Um grupo de 15 homens divididos em quatro veículos explodiu na madrugada desta sexta-feira, 5, caixas eletrônicos dos bancos Itaú, Bradesco e Sicoob, em Piên, na Região Metropolitana de Curitiba (PR). Na fuga, mataram um homem que fazia a entrega do jornal O Repórter no município vizinho de Agudos do Sul.

Antes da ação, o destacamento da PM de Piên foi atacado pelos bandidos. "Eles efetuaram vários disparos na nossa direção", comentou um policial, que pediu o anonimato.

A Polícia Militar informou que não iria se pronunciar oficialmente sobre o caso e, até as 11h30 desta sexta-feira, a Secretaria Estadual da Segurança Pública e Administração Penitenciária não havia se manifestado oficialmente.

Além dos disparos à unidade policial, a perseguição ao grupo também foi prejudicada pela colocação de "miguelitos", pequenos artefatos de ferro capazes de furar os pneus das viaturas.

N.P., mais conhecido como P.P., foi morto durante a fuga na rodovia PR-419, no bairro do Leão, em Agudos do Sul. "Ao que consta, ele foi confundido com um policial militar, pois estava em um carro que acabou confundido e infelizmente morreu", disse o policial.

Em editorial, a direção do jornal, que fica em Fazenda Rio Grande, lamentou a morte. "Na fuga, passando por Agudos do Sul, efetuaram diversos disparos contra o veículo de um dos nossos colaboradores, completamente inocente em toda a história. Mais conhecido como P.P., ele não resistiu aos ferimentos e acabou falecendo. Os roubos ocorreram por volta das 4h11. O assassinato, perto das 5h."

O jornalista P.B., editor do jornal O Repórter e amigo da vítima lamentou a morte. "Era um grande trabalhador, tinha o apelido devido ao seu amor pelo Paraná Clube, tinha a escolinha P.P., uma grande perda", lamentou.

O caso está sob a investigação da Polícia Civil, que, pela manhã, já iniciava as buscas pela região, assim como a Polícia Militar. O posto da PM que foi atacado tem dois policiais militares durante 24 horas.

Apoie a Gazeta de S. Paulo
A sua ajuda é fundamental para nós da Gazeta de S. Paulo. Por meio do seu apoio conseguiremos elaborar mais reportagens investigativas e produzir matérias especiais mais aprofundadas.

O jornalismo independente e investigativo é o alicerce de uma sociedade mais justa. Nós da Gazeta de S. Paulo temos esse compromisso com você, leitor, mantendo nossas notícias e plataformas acessíveis a todos de forma gratuita. Acreditamos que todo cidadão tem o direito a informações verdadeiras para se manter atualizado no mundo em que vivemos.

Para a Gazeta de S. Paulo continuar esse trabalho vital, contamos com a generosidade daqueles que têm a capacidade de contribuir. Se você puder, ajude-nos com uma doação mensal ou única, a partir de apenas R$ 5. Leva menos de um minuto para você mostrar o seu apoio.

Obrigado por fazer parte do nosso compromisso com o jornalismo verdadeiro.

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

ATENÇÃO MOTORISTAS

Perdeu a placa do veículo? veja o passo a passo do Detran-SP para emitir uma nova

Só é permitida a emissão de uma nova placa se o veículo estiver devidamente licenciado, com todas as taxas em dia e sem multas pendentes

Oportunidade

TRF vai iniciar inscrições de concurso com salários de até R$ 13,9 mil; veja cidades

Ao todo, são 263 vagas para os níveis técnico e superior; Inscrições iniciam dia 29 de abril e seguem até o dia 28 de maio

©2021 Gazeta de São Paulo. Todos os Direitos Reservados.

Layout

Software

Newsletter