X

Estado

Candidatos ao governo de SP abordam segurança em propaganda no rádio

França defendeu as frentes de valorização das polícias e prevenção do crime. Enquanto o tucano prometeu levar batalhões especiais para todo o estado Por Folhapress De São Paulo

dothCom Consultoria Digital

Publicado em 16/10/2018 às 17:00

Comentar:

Compartilhe:

A-

A+

Publicidade

Candidatos ao governo do estado de São Paulo, Márcio França (PSB) e João Doria (PSDB) fizeram, nesta terça-feira (16), seus programas de rádio no horário eleitoral gratuito voltados à segurança.

França ironizou falas recentes de Doria, dizendo que a polícia, caso ele fosse eleito, atiraria para matar. Imitando um programa de rádio em conversa com uma ouvinte idosa, a propaganda comparou as declarações do tucano às do ex-governador e ex-deputado federal Paulo Maluf (PP).

O governador candidato à reeleição defendeu duas frentes para a segurança: valorização das polícias e prevenção do crime, com o alistamento civil de jovens.

O programa também comparou Doria a uma "caneta sem tinta", porque "o que ele fala não se escreve".

Doria prometeu levar batalhões especiais, como a Rota, para todo o estado. Também falou que seu eventual governo terá força necessária para endurecer, em Brasília, as leis contra o crime. "Bandido não tem que ter feriado, tem cumprir pena na cadeia", disse.

O tucano também prometeu ampliar delegacias da mulher e criar um aplicativo digital de botão do pânico para casos de violência doméstica.

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

CRIME DE TRÂNSITO

Motoristas pagam R$ 600 por dispositivo anti-multa

Golpe da folha magnética permite encobrir caracteres da placa do veículo

Oportunidade em Guarulhos

Feira de empregos: prefeitura e institutos devem oferecer 200 vagas em evento

Para participar dos processos seletivos é necessário levar um documento de identificação original e o currículo atualizado

©2021 Gazeta de São Paulo. Todos os Direitos Reservados.

Layout

Software

Newsletter