últimas notícias
"Não aguentava mais que minha filha escutasse meu choro" Pamella Holanda, ex de DJ Ivis, em entrevista ao Fantástico.
Foto: Reprodução/Instagram

'Eu não vou me calar’, diz Pamella Holanda após expor agressões de DJ Ivis

Ex-mulher do DJ Ivis, usou as redes sociais para agradecer o apoio que está recebendo, após divulgar vídeos de agressões que sofreu do DJ

Pamella Holanda, ex-mulher do DJ Ivis, usou as redes sociais nesta segunda-feira (12) para desabafar e agradecer o apoio que está recebendo, após divulgar vídeos em que aparece sendo agredida pelo DJ.

“Eu me calei por muito tempo! Eu sofria com minha filha, sem apoio até dos que diziam estar ali pra ajudar, que eram coniventes e presenciavam tudo calados sem interferir com a desculpa que eu tinha que aguentar calada porque era o 'jeito dele', era esse o 'temperamento dele' e que se eu quisesse viver com ele, teria que me sujeitar e ser submissa. Não se calem!!! Não se calem jamais!!! Eu não vou me calar!", escreveu Pamella no Instagram.

Nas imagens das agressões divulgadas nos Stories, Pamella aparece levando chutes, socos e empurrões do ex-marido. A Polícia Civil do Ceará, onde a violência teria ocorrido, investiga o caso.

Após a divulgação de vídeos em que DJ Ivis aparece agredindo a ex-mulher, o músico, conhecido como astro da pisadinha, foi afastado neste domingo (11) de todos os compromissos profissionais pela produtora Vybbe, responsável pelo gerenciamento da carreira dele.

Pamella também agradeceu o apoio que tem recebido de famosos e anônimos. ”Eu quero e preciso agradecer todo o apoio que estou recebendo. Dizer que não estou bem, mas estou segura, eu e minha filha. E dizer também que hoje o meu choro é de alívio por ter certeza que Deus está com a gente, que nunca mais vou viver o que vivi e que não preciso mais fingir pra ajudar ninguém", postou.

VERSÃO DO DJ DJ
Ivis postou vídeos afirmando que há acontecimentos que não aparecem nas imagens reveladas pela ex-mulher. "Eu sempre apanhei com a minha filha no braço, alguém tem noção do que é isso?", ele pergunta em um vídeo em que a arquiteta aparece tentando dar tapas nele, com a filha no colo.

"Sempre tentei fazer de tudo para que isso não chegasse ao extremo. E, como eu disse, tenho como provar tudo, nada vai justificar a reação que eu tive, mas não aguentava mais ameaças", afirmou.
De acordo com a versão do artista, a ex-mulher o impedia de sair de casa e fazia ameaças contra a própria vida e dizia que sumiria com a filha por não admitir o fim do relacionamento. Ele chegou a registrar um boletim de ocorrências sobre o caso.

"Saí de casa e tenho assumido todas as despesas da filha. Foi feita a denúncia, mas ainda não fui ouvido. Tudo será devidamente provado e esclarecido com o tempo", ele disse.

 

*Com informações da Folhapress

Comentários

Tops da Gazeta