Publicidade

X

MAS GENTE

Com Keanu Reeves, série gravada em Santos entra no 'limbo' após diretor surtar, diz jornal

Conquest não chegou a ter um único episódio finalizado e foi engavetada

LG Rodrigues

Publicado em 28/11/2023 às 15:23

Comentar:

Compartilhe:

A-

A+

Publicidade

Keanu Reeves com o então prefeito de São Paulo, durante visita à Capital / Prefeitura de São Paulo / Divulgação

O sonho de ver Keanu Reeves em uma série gravada em terras santistas pode ter morrido na praia antes mesmo de começar a nadar. Segundo reportagem do jornal The New York Times, a produção 'Conquest', que contava com o astro de John Wick e Matrix entrou em um limbo e deve ter sido cancelada antes mesmo de entregar um único episódio à Netflix. De acordo com o jornal, o motivo se deu após o diretor Carl Erik Rinsch ter esbanjado mais de US$ 50 milhões e ter tido episódios de 'comportamento errático'.

Faça parte do grupo da Gazeta no WhatsApp e Telegram.
Mantenha-se bem informado.

A trama de 'Conquest', que teve cenas gravadas na área portuária de Santos e na Capital em 2019, girava em torno da criação de uma inteligência artificial que era impossível de distinguir da humanidade e que é concebida para intervir em diversos conflitos no planeta. A ideia, porém, acaba falhando quando a I.A. é descoberta.

A história, entretanto, talvez nunca veja a luz do dia porque 'Conquest' entrou em um 'inferno astral' após Rinsch ter gastado boa parte do dinheiro investido pela Netflix. A produção do diretor chamou a atenção de várias plataformas, de HBO a Apple, mas foi a Netflix quem decidiu investir e fez uma proposta irrecusável.

Meses após várias gravações, incluindo tomadas na Avenida Paulista, e com US$ 44 milhões já 'torrados' pela Netflix, a empresa começou a cobrar resultados do diretor, que afirmou precisar de mais US$ 11 milhões para impedir o cancelamento da produção. A plataforma cedeu, mas o que ocorreu em seguida surpreendeu a todos. Ainda de acordo com o The New York Times, Rinsch embolsou o dinheiro e começou a investir no mercado de ações e empresas que buscariam desenvolver medicamentos contra a Covid-19.

Nessa época, em meados de 2021, segundo a esposa do diretor, ele começou a dizer ser adepto de teorias da conspiração envolvendo aliens e afirmou que teria se tornado, inclusive, capaz de prever tempestades e erupções de vulcões. Ela pediu o divórcio logo depois.

Frente a estes fatos, a Netflix percebeu que 'Conquest' não sairia do papel e afirmou que o diretor poderia buscar outro estúdio para seguir com o projeto, com a condição de que, a nova empresa, cobrisse os gastos até então que a própria Netflix teve.

Surpreendentemente, com o dinheiro embolsado, Rinsch conseguiu ganhar US$ 27 milhões em criptomoedas, mas não devolveu parte do investimento da Netflix e tampouco deu prosseguimento  à produção de Conquest, e passou a usar o dinheiro recém recebido com vários carros de luxo.

Com isso, 'Conquest' entrou no limbo e a Netflix acionou o diretor na justiça, onde a empresa busca uma maneira de reaver ao menos parte do dinheiro investido.

Apoie a Gazeta de S. Paulo
A sua ajuda é fundamental para nós da Gazeta de S. Paulo. Por meio do seu apoio conseguiremos elaborar mais reportagens investigativas e produzir matérias especiais mais aprofundadas.

O jornalismo independente e investigativo é o alicerce de uma sociedade mais justa. Nós da Gazeta de S. Paulo temos esse compromisso com você, leitor, mantendo nossas notícias e plataformas acessíveis a todos de forma gratuita. Acreditamos que todo cidadão tem o direito a informações verdadeiras para se manter atualizado no mundo em que vivemos.

Para a Gazeta de S. Paulo continuar esse trabalho vital, contamos com a generosidade daqueles que têm a capacidade de contribuir. Se você puder, ajude-nos com uma doação mensal ou única, a partir de apenas R$ 5. Leva menos de um minuto para você mostrar o seu apoio.

Obrigado por fazer parte do nosso compromisso com o jornalismo verdadeiro.

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

CASOS EM ALTA

Dengue: grávidas e bebês podem usar repelentes?

Na busca por proteção, a procura por repelentes aumentou nas farmácias de todo o País; dermatologista orienta sobre o uso

DRAMA ALVINEGRO

Corinthians perde para a Ponte Preta em Itaquera e vê vaga se distanciar

Iago Dias abriu o placar aos cinco minutos para a Ponte Preta; Corinthians finaliza 26 vezes, mas não consegue balançar as redes

©2021 Gazeta de São Paulo. Todos os Direitos Reservados.

Layout

Software

Newsletter