últimas notícias

Consistência agradável

O conjunto formado pelo motor 1.5 turbo de 150 cavalos e o câmbio CVT de 9 marchas simuladas oferece ao Arrizo 6 "top" performances dinâmicas satisfatórias, especialmente no modo "Sport". Para quem valoriza a economia de combustível, o modo "Eco" rende visitas mais espaçadas aos postos de combustíveis. Os mais "ansiosos" têm a opção de acionamento manual das marchas na alavanca do console. O multimídia exibe a visão periférica do carro quando a seta é acionada, o que reforça a segurança das manobras, mas impede a visão do navegador. Felizmente, quando preciso, tal recurso pode ser inativado.

Quando escapa dos engarrafamentos, o sedã se revela bom parceiro para longas estradas. Os bancos ergonômicos permitem ao motorista dirigir durante horas seguidas sem se cansar. As retomadas são consistentes, o conjunto mecânico não "fraqueja" e velocidades elevadas são atingidas de forma célere. Um providencial ajuste na calibração da direção assistida eletricamente poderia reforçar a rigidez em velocidades mais elevadas. Nas curvas, as inclinações de carroceria são discretas e, quando há algum "abuso" do acelerador, os controles de estabilidade entram prontamente em ação. A suspensão absorve eficientemente as imperfeições do piso. O sistema de monitoramento de ponto cego avisa ao motorista nos espelhos externos e no painel sempre que outro veículo ou objeto é detectado, emitindo um alerta sonoro. Quando necessárias, as frenagens bruscas reforçam a impressão de consistência transmitida pelo sedã da Caoa Chery.

Comentários

Tops da Gazeta