Publicidade

X

LANÇAMENTO MUNDIAL

Ducati revela nova Hypermotard 698 Mono

Ser a nova referência para as Supermotards de estrada é a proposta da Ducati Hypermotard 698 Mono

Edmundo Dantas - AutoMotrix

Publicado em 10/11/2023 às 14:35

Comentar:

Compartilhe:

A-

A+

Publicidade

A primeira Supermotard monocilíndrica da Ducati está equipada com o novo motor Superquadro Mono, com 77,5 cavalos de potência / Divulgação

A Ducati revelou ao público na Itália a nova Hypermotard 698 Mono, o seu primeiro monocilíndrico da categoria Supermotard. Segundo a marca italiana, a Hypermotard 698 Mono foi criada com o objetivo de emocionar nas curvas das pistas mas também agradar na cidade, com a nada modesta proposta de “transformar cada movimento no momento mais divertido do dia”. O novo modelo aplica soluções técnicas derivadas da Panigale para o motor, eletrônica e chassi.

A Hypermotard 698 Mono está equipada com o novo Superquadro Mono, o motor de estrada de um cilindro mais sofisticado e de alto desempenho já fabricado pela Ducati, com potência de 77,5 cavalos e rotação máxima de 10.250 rpm. O torque de 6,4 kgfm a 8 mil rpm é distribuído de forma linear, podendo ser explorado na condução esportiva. Graças ao escapamento de competição Termignoni, há um ganho de sete cavalos, totalizando 84,5 cavalos, um outro recorde para um monocilíndrico. O motor é derivado do bicilíndrico da Panigale, o Superquadro de 1.285 cc, da qual herda o pistão, a câmara de combustão, as válvulas de admissão, o escape em titânio e a distribuição desmodrômica, as mesmas soluções utilizadas pela Ducati na MotoGP. Apoiada pelo ABS Cornering, a Hypermotard 698 Mono permite que os “novatos” se aventurem na “condução lateral”, enquanto os mais experientes possam explorar ao máximo a superpotência do novo motor.

Leia Também

• Conheça a DesertX Rally, nova motocicleta da Ducati

• Ducati apresenta nova motocicleta V4 RS

A Hypermotard 698 Mono é compacta e leve – são 151 quilos, sem combustível. Atuam para a diminuição de peso o quadro feito de treliças, com apenas 7,2 quilos, os aros fundidos, os discos de freio de alumínio e o garfo Marzocchi. As rodas são equipadas com pneus Pirelli Diablo Rosso IV, com 120/70 ZR 17 na dianteira e 160/60 ZR 17 na traseira. O sistema de freios – desenvolvido pela Brembo – tem disco único na frente e atrás, sendo de 330 milímetros e de 240 milímetros, respectivamente.

Em termos dinâmicos, a pretensão da Hypermotard 698 Mono é combinar a precisão da dianteira das esportivas da Ducati com a agilidade das Supermotards. Segundo a engenharia da marca, esse equilíbrio foi alcançado graças às dimensões do chassi com uma frente mais neutra e sem o comportamento arisco das motos de enduro. O design da Hypermotard 698 Mono realça o novo motor, combinando traços das Supermotards com a simplicidade e leveza típicas das motos da marca italiana. A personalidade divertida da Hypermotard 698 Mono fica mais evidente na versão RVE, caracterizada pela pintura Graffiti, criada a partir de observações de obras feitas por anônimos no cotidiano urbano. A RVE também é equipada de série com o câmbio Ducati Quick Shift (DQS), que permite mudar as marchas acionando a manopla para cima e para baixo.

O equipamento eletrônico da Hypermotard 698 Mono pretende ser o mais completo da sua categoria e inclui muitos dos comandos da Panigale V4, desenvolvidos especificamente para a nova moto. São eles o ABS Cornering, o Ducati Traction Control, o Ducati Wheelie Control, o Engine Brake Control, o Ducati Power Launch e o Ducati Quick Shift Up/Down –acessórios no modelo padrão e de série na RVE. A Hypermotard 698 Mono tem quatro modos de pilotagem (“Sport”, “Road”, “Urban” e “Wet”), sendo o Engine Mode como padrão (disponível em três níveis) o DTC, o EBC e o ABS podendo ser modificados pelo piloto. Tudo é gerenciado pela instrumentação em LCD de 3,8 polegadas com caracteres brancos sobre fundo preto para garantir a fácil leitura das informações. Assim como na Panigale V4, a Hypermotard 698 Mono traz indicação de mudança de marcha, quando o limitador é atingido.

Apoie a Gazeta de S. Paulo
A sua ajuda é fundamental para nós da Gazeta de S. Paulo. Por meio do seu apoio conseguiremos elaborar mais reportagens investigativas e produzir matérias especiais mais aprofundadas.

O jornalismo independente e investigativo é o alicerce de uma sociedade mais justa. Nós da Gazeta de S. Paulo temos esse compromisso com você, leitor, mantendo nossas notícias e plataformas acessíveis a todos de forma gratuita. Acreditamos que todo cidadão tem o direito a informações verdadeiras para se manter atualizado no mundo em que vivemos.

Para a Gazeta de S. Paulo continuar esse trabalho vital, contamos com a generosidade daqueles que têm a capacidade de contribuir. Se você puder, ajude-nos com uma doação mensal ou única, a partir de apenas R$ 5. Leva menos de um minuto para você mostrar o seu apoio.

Obrigado por fazer parte do nosso compromisso com o jornalismo verdadeiro.

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

CASOS EM ALTA

Dengue: grávidas e bebês podem usar repelentes?

Na busca por proteção, a procura por repelentes aumentou nas farmácias de todo o País; dermatologista orienta sobre o uso

DRAMA ALVINEGRO

Corinthians perde para a Ponte Preta em Itaquera e vê vaga se distanciar

Iago Dias abriu o placar aos cinco minutos para a Ponte Preta; Corinthians finaliza 26 vezes, mas não consegue balançar as redes

©2021 Gazeta de São Paulo. Todos os Direitos Reservados.

Layout

Software

Newsletter