últimas notícias

Jornalistas são detidos por Maduro

O jornalista mais famoso do México, Jorge Ramos, âncora da emissora americana Univisión, foi detido junto com sua equipe dentro do Palácio de Miraflores, sede do governo venezuelano, nesta segunda-feira (25). Segundo a Univisión, cujas transmissões são em espanhol, Ramos teria sido convidado por Maduro a ir a Caracas para uma entrevista, porém, ao ter se referido ao líder como "ditador", as portas se fecharam. A entrevista foi interrompida e o material e celulares dos seis jornalistas e assessores que acompanhavam Ramos foram confiscados.

Nesta terça, os jornalistas foram deportados para os EUA. (FP)

Tops da Gazeta