últimas notícias
Duas barragens da mineradora MetalMig no distrito de Oriente Novo, em Rondônia, se romperam no último sábado
Duas barragens da mineradora MetalMig no distrito de Oriente Novo, em Rondônia, se romperam no último sábado
Foto: reprodução Rede Amazônica

Famílias seguem isoladas após rompimento de barragens

Três dias após o rompimento de duas barragens da mineradora MetalMig no distrito de Oriente Novo, na cidade de Machadinho D'Oeste, em Rondônia, mais de 350 pessoas estão isoladas (cerca de 100 famílias) devido à destruição de mais de sete pontes, que foram arrastadas com a força dos detritos das barragens. A Prefeitura de Machadinho D'Oeste realiza obras emergenciais para consertar as pontes danificadas, mas a preocupação é com uma possível contaminação do rio Belém, que abastece a cidade. Além disso, os moradores começam a pensar no escoamento da produção agrícola e com alguns alimentos que já começaram a faltar nas comunidades afetadas.

Não houve registro de vítimas com o rompimento, mas os danos ambientais na região poderão ser sentidos por anos. Por meio de nota, a MetalMig afirmou que "suas barragens encontram-se intactas e seguem um rigoroso padrão de segurança recomendado pela Sedam e pela Agência Nacional de Mineração (ANM)". A empresa responsabilizou as chuvas que caíram na região. (EC)

Tops da Gazeta