últimas notícias
Chuva que atingiu a cidade deixou o palco energizado e atores precisaram ser socorridos para hospitais
Chuva que atingiu a cidade deixou o palco energizado e atores precisaram ser socorridos para hospitais
Foto: Zeka Carvalho/Arquivo pessoal

Bailarinos levam choque durante encenação em Salto

Atores e bailarinos que participaram da encenação da Paixão de Cristo de Salto reclamaram que tomaram choques no palco

No último final de semana, atores e bailarinos que participaram da encenação da Paixão de Cristo, em Salto, reclamaram que tomaram choques no palco durante a apresentação. Além do grupo, participantes também precisaram ser
hospitalizados.

O bailarino Felipe Francisco, de 32 anos, disse em entrevista ao "G1" que todo o tablado do palco ficou energizado por causa da forte chuva que atingiu a cidade no sábado. Ao pisar, todos sentiram choques em diversos pontos do corpo.

"No dia, eu já passei muito mal, caminhei com dificuldade até a ambulância, quando desci do palco e lá viram que minha pressão estava mais alta. Depois, fiquei com dor de cabeça e dor no peito. No outro dia, logo de manhã, levantei para trabalhar e as dores persistiam. Tive que cancelar compromissos e ir correndo para o hospital", disse em
entrevista.

Na unidade hospitalar, o bailarino constatou que a pressão arterial continuava alta. Ele foi submetido a vários exames e, após ser medicado e reavaliado, foi liberado já com a pressão
normalizada.

A Prefeitura de Salto informou que as empresas contratadas através de licitação - no valor de R$ 230 mil - apresentaram toda a documentação necessária exigida para a realização do evento. Além disso, a apresentação também recebeu vistoria da polícia. Foram em torno de 350 participantes.

Com relação aos relatos de choque, a prefeitura informou que imediatamente a organização optou por cancelar duas apresentações finais de grupos de dança para garantir a segurança dos bailarinos e frisou que uma ambulância ficou à disposição no evento e, mesmo assim, não houve ferimentos nem internações por parte de nenhum artista participante. (GSP)

Tops da Gazeta