últimas notícias
Edmar Santos, ex-secretário de Saúde do Rio
Edmar Santos, ex-secretário de Saúde do Rio
Foto: Reprodução/TV Globo

MP prende ex-secretário de Saúde do Rio

Edmar Santos é investigado por suposta fraude na compra de respiradores

Nesta sexta-feira (10), o ex-secretário estadual de Saúde, Edmar Santos, foi preso pelo Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro (MPRJ). Ele é suspeito de participar de uma organização criminosa que fraudou contratos de compra de respiradores usados no combate ao coronavírus.

Segundo o MP, Santos foi detido em Botafogo, na zona sul da cidade, em sua casa. Além disso, outros mandados de busca e apreensão estão sendo cumpridos em outra residência do ex-secretário, em Itaipava, região serrana do Rio.

A prisão integra a Operação Mercadores do Caos, que investiga fraudes em contratos da Secretaria Estadual de Saúde. O ex-subsecretário executivo Gabriell Neves foi preso no início de maio.

Além disso, o MP apreendeu R 36,9 milhões em bens de Edmar Santos, que seria o valor desviado em três contratos para a compra dos equipamentos médicos.

De acordo com o MPRJ, o ex-secretário agiu de forma consciente, “em comunhão de ações e desígnios” com Neves e outros investigados na primeira fase da operação Mercadores do Caos.

O ministério acredita que Edmar poderia adotar condutas para dificultar o rastreamento das verbas públicas desviadas.

Edmar Santos responderá por organização criminosa e peculato (apropriação de bens ou recursos públicos em função de seu cargo).

Comentários

Tops da Gazeta