últimas notícias
No Pantanal, foram contabilizados 2.550 focos de queimadas em dez dias de setembro, número equivalente a 88% do volume registrado durante os 30 dias de setembro de 2019
No Pantanal, foram contabilizados 2.550 focos de queimadas em dez dias de setembro, número equivalente a 88% do volume registrado durante os 30 dias de setembro de 2019
Foto: Mayke Toscano/Secom-MT

Fumaça das queimadas na Amazônia e Pantanal começa a chegar no Sudeste e Sul do Brasil

Até quinta-feira (10), os focos de incêndio na Amazônia chegavam a 13.810 ocorrências, número equivalente a 70% do volume verificado nos 30 dias de setembro de 2019

Os países vizinhos do Brasil e municípios das regiões Sudeste e Sul do País, em rotas de mais de 3 mil quilômetros de extensão, estão sendo afetados pelas queimadas sobre a Amazônia e o Pantanal.

Em imagens de satélite do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe) é possível ver grande mancha branca de fumaça encobrindo a região sul do Amazonas e seguindo por Rondônia, Mato Grosso e Mato Grosso do Sul, rumo aos Estados de São Paulo e Paraná.

Macaque in the trees
Divulgação/Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais

De acordo com a Metsul, essa fumaça que tem origem nos focos de queimadas está avançando "primariamente em altitude e não perto da superfície". Ou seja, significa que os índices de qualidade do ar não serão afetados por isso, mas será possível ver uma mudança na coloração do céu.

Focos de incêndio

Até quinta-feira (10), os focos de incêndio na Amazônia chegavam a 13.810 ocorrências, número equivalente a 70% do volume verificado nos 30 dias de setembro de 2019. Já no Pantanal, foram contabilizados 2.550 focos de queimadas em dez dias de setembro, número equivalente a 88% do volume registrado durante todo o mês de 2019.

O número de focos de incêndio registrado no Pantanal entre janeiro e agosto de 2020 equivale a tudo o que queimou no bioma nos seis anos anteriores, de 2014 a 2019, segundo o jornal “O Estado de S. Paulo”.

De acordo com dados do Inpe, foram registrados um total de 10.153 focos de incêndio através de satélites do instituto entre 1º de janeiro e 31 de agosto no Pantanal. Entre 2014 e 2019, foram registrados 10.048.

Galeria de Fotos

Comentários

Tops da Gazeta