últimas notícias
Até o momento, a votação manual (através de cédulas) não precisou ser implantada em nenhuma localidade
Até o momento, a votação manual (através de cédulas) não precisou ser implantada em nenhuma localidade
Foto: Tomaz Silva/Agência Brasil

TSE substitui mais de 300 urnas eletrônicas

São Paulo é o local com maior número de urnas substituídas, 103 equipamentos foram trocados

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) informou que 368 urnas eletrônicas foram substituídas até o começo da tarde deste domingo (29). A quantidade é equivalente a 0,25% dos equipamentos liberados para a votação.

O estado de São Paulo é o local com maior número de urnas substituídas, 103 equipamentos foram trocados. Em seguida, Rio de Janeiro trocou 95 urnas, de acordo com o boletim de meio-dia.

Outros 30 equipamentos foram trocados no Ceará. No Rio Grande do Sul, foram trocadas 19 urnas. Em Sergipe, 19 urnas precisaram ser substituídas.

Até o momento, a votação manual (através de cédulas) não precisou ser implantada em nenhuma localidade. A medida está prevista no caso de não se conseguir substituir a urna eletrônica.

No total, o TSE reservou 97.024 urnas para votação em todas as 57 cidades brasileiras em que haverá segundo turno nas eleições deste ano. Outros 48.231 equipamentos foram separados para ficar em reserva de contingência.

Comentários

Tops da Gazeta