últimas notícias
Catchup Heinz
Catchup Heinz
Foto: Divulgação/Heinz

2ª aquisição em uma semana, além da Hemmer Kraft Heinz compra BR Spices

Em nota, o presidente da Kraft Heinz, Fernando Rosa informou que "O investimento em novos negócios é parte da agenda de crescimento do Brasil"

A empresa Kraft Heinz, anunciou nessa quinta-feira (30) a compra da marca BR spices, fabricante de temperos em São Paulo. Em nota, o presidente da Kraft Heinz, Fernando Rosa informou que "O investimento em novos negócios é parte da agenda de crescimento do Brasil".

A multinacional, que tem entre os principais investidores a 3G Capital (dos brasileiros Jorge Paulo Lemann, Marcel Herrmann Telles e Carlos Alberto), será acionista majoritária da empresa de Jandira, interior de São Paulo, em uma transação que deve ser finalizada até o final deste ano. O valor do negócio não foi divulgado.


Fundada em 2015, a BR Spices tem cerca de 70 produtos em seu portfólio. Após a finalização da compra, o fundador Gabriel Daniel continuará como presidente-executivo. "A Kraft Heinz é um parceiro estratégico que pode elevar a BR Spices a outro patamar", afirmou em nota divulgada pela assessoria.

A compra ocorre uma semana depois de a Kraft Heinz adquirir a catarinense Hemmer. Com a última negociação, ela fica com quatro marcas no mercado brasileiro de molhos, condimentos e conservas –a empresa comprou em 2011 a Quero, com fábrica em Nerópolis (GO).

Um dos principais competidores regionais é a Predilecta Alimentos, dona das marcas Predilecta, Salsaretti, Minas Mais, Cajamar, Stella d'Oro e Só Fruta. Com sede em Matão (SP), a empresa tem forte presença no Sudeste e está expandindo suas vendas para o Nordeste. A sua sexta fábrica está sendo construída em Rio Largo (AL).

A Kraft Heinz foi formada em 2015, a partir da fusão da Kraft Foods com a Heinz, capitaneada pelas empresas 3G Capital e Berkshire Hathaway, de Warren Buffett. A 3G Capital também marca presença em vários negócios de peso, como Burger King, AB InBev e Lojas Americanas.

Comentários

Tops da Gazeta