X

VOLTA ÀS AULAS

6 dicas de como organizar os novos materiais e o que fazer com os usados no ano anterior

Personal Organizer especialista em consumo consciente ensina os pais como preparar o material escolar dos filhos para o novo ano letivo

Da Reportagem

Publicado em 01/02/2023 às 15:41

Atualizado em 01/02/2023 às 15:44

Comentar:

Compartilhe:

A-

A+

Publicidade

Etiquete todos os materiais com o nome do seu filho. Isso ajuda para não confundir com os materiais dos colegas / Divulgação

Além de ser o mês das férias de verão, janeiro também é a época em que os pais precisam aprontar os materiais escolares dos filhos para o período de aulas. Sim, isso pode ser o caos para muitas famílias, mas se tivermos consciência na hora de pegar a lista de materiais e partir para as compras, tudo será menos traumático e até recompensador.

Mãe de dois filhos e com experiência no assunto (tanto em âmbito pessoal como profissional), a personal organizer especialista em desapego e consumo consciente Nalini Grinkraut listou 6 ideias de como os pais podem, junto com seus filhos, fazerem as compras dos materiais escolares um momento agradável, inclusivo e divertido:

1 –   Comece fazendo um inventário do que seus filhos já tem. Olhe os itens de papelaria e separe o que está em bom estado e que pode ser reaproveitado. Retire tudo o que não está em bom uso e precisa ser descartado.

2 – Busque a lista dos materiais indicados pela escola e marque o que seu filho já tem e o que ele precisará.

3 – Para os livros literários avalie a possibilidade de fazer trocas com pais da escola usando os livros do ano que passou na troca para os livros do próximo ano.

4 – Envolva seus filhos nas etapas do processo. Peça ajuda com o inventário e na escolha dos novos materiais.

5 – Aproveite para organizar os materiais do ano anterior que voltaram da escola. Separe o que você gostaria de guardar (como recordação/ item sentimental) e retire o que não será mais necessário. Descarte o que não tiver mais uso e doe o que puder ser reaproveitado.

6 – Não esqueça de etiquetar todos os materiais com o nome do seu filho. Isso ajuda para não confundir com os materiais dos colegas.

“Aprontar o material escolar pode ser uma excelente oportunidade de ensinar aos filhos o valor de organizar e cuidar dos seus pertences”, reforça Nalini. Ter uma mochila arrumada e abastecida para o início do ano também pode significar um ponto atrativo para os pequenos se dedicarem aos estudos desde o primeiro dia de aula.

Autora do livro “Casa Arrumada, Vida Leve” (Harper Collins), Nalini Grinkraut quer que as pessoas passem a ter uma relação mais saudável não só com a arrumação, mas também com a existência da bagunça. Seu desejo é desmistificar a organização e mostrar um caminho para se ter paz e harmonia dentro de casa de uma maneira leve e realista. Seu livro também aborda temas como consumo consciente, mudança de hábitos e comportamentos, autoconhecimento e relacionamentos familiares.

Nalini é uma das quatro profissionais brasileiras especializadas e certificadas pelo método KonMari™, de Marie Kondo, especialista em organização mais conhecida e seguida do planeta. “A sua casa é a extensão do seu corpo. É o seu porto seguro, seu abrigo. É onde você repousa, sua mente relaxa e muitas experiências são construídas. Assim como devemos cuidar do nosso corpo como nosso templo, devemos cuidar da nossa casa como parte de nós", acredita.

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Segurança

Marcha para Jesus: PM de São Paulo reforça segurança

A caminhada terá início na Estação Luz do Metrô, às 10h; Durante o evento, policiais à paisana estarão em meio à multidão

TRÂNSITO HIDROVIÁRIO

Balsa de Ilhabela registra mais de 3 horas de fila

Demora se justifica pelo feriado prolongado de Corpus Christi

©2021 Gazeta de São Paulo. Todos os Direitos Reservados.

Layout

Software

Newsletter