X

MORTE

Após desentendimento, soldado da FAB mata colega dentro de alojamento militar em Brasília

Segundo Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF), o caso foi registrado como homicídio na 5ª Delegacia de Polícia (DP)

Agência Brasil

Publicado em 19/11/2022 às 20:35

Comentar:

Compartilhe:

A-

A+

O jovem levou um tiro na cabeça no alojamento da guarda, no prédio anexo ao Ministério da Defesa, em Brasília / Marcos Oliveira/Agência Senado

Um desentendimento entre dois soldados da Força Aérea Brasileira (FAB) resultou no assassinato de Kauan Jesus da Cunha Duarte, 19 anos, na manhã deste sábado (19), em Brasília. O jovem levou um tiro na cabeça no alojamento da guarda, no prédio anexo ao Ministério da Defesa, em Brasília. O autor do disparo foi identificado como Felipe de Carvalho Sales, que também tem 19 anos e era colega de farda de Kauan.

Segundo Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF), o caso foi registrado como homicídio na 5ª Delegacia de Polícia (DP), mas, por se tratar de crime militar, a investigação ficará sob responsabilidade da FAB. 

Em nota, o Ministério da Defesa lamentou a ocorrência. "É com profundo sentimento de tristeza e pesar que o Ministério da Defesa lamenta o incidente ocorrido, na manhã deste sábado (19.11), no alojamento da guarda, localizado no prédio anexo da Pasta, e que vitimou, por meio de disparo de arma de fogo, um militar da Força Aérea Brasileira (FAB). O Ministério rende as condolências aos familiares e amigos, pela irreparável perda".  

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

MOBILIDADE URBANA

Linha 6-Laranja: túneis se encontram na zona norte de SP

Cerimônia celebrou o encontro dos túneis da futura estação Brasilândia e do Pátio Morro Grande

Leilão de veículos

Detran-SP realiza leilão online com lances a partir de R$ 2 mil

Carros conservados e sucatas disponíveis; visite e faça seu pré-lance em julho

©2021 Gazeta de São Paulo. Todos os Direitos Reservados.

Layout

Software

Newsletter