X

Valores a receber

Brasileiros ainda não sacaram R$ 7,79 bi do Banco Central; veja como sacar

Até o fim de fevereiro, 19.037.033 correntistas haviam resgatado os valores

Monise Souza

Publicado em 08/04/2024 às 15:00

Comentar:

Compartilhe:

A-

A+

Brasileiros ainda não sacaram R$ 7,79 bilhões em recursos esquecidos no sistema financeiro. / Marcello Casal Jr/Agência Brasil

Na última sexta-feira (5) o Banco Central (BC) divulgou que os brasileiros ainda não sacaram R$ 7,79 bilhões em recursos esquecidos no sistema financeiro. Até o momento, o Sistema de Valores a Receber (SVR) devolveu R$ 6,23 bilhões, de um total de R$ 14,02 bilhões postos.

Siga as notícias da Gazeta de S.Paulo no Google Notícias

Até o fim de fevereiro deste ano, 19.037.033 correntistas haviam resgatado os valores. Segundo o SVR, isso representa apenas 30,19% do total de 63.064.184 correntistas incluídos na lista desde o início do programa, em fevereiro de 2022.

Entre os que ainda não fizeram o resgate, 40.853.231 são pessoas físicas e 3.173.920 são pessoas jurídicas, Aqueles que já retiraram valores, 18.044.139 são pessoas físicas e 992.894 são pessoas jurídicas.

Faça parte do grupo da Gazeta no WhatsApp e Telegram.
Mantenha-se bem informado.

Os valores a receber de até R$ 10 concentram 63,48% dos beneficiários. Os valores entre R$ 10,01 e R$ 100 correspondem a 25,14%. As quantias entre R$ 100,01 e R$ 1 mil representam 9,65% dos clientes. Só 1,72% tem direito a receber mais de R$ 1 mil.

Esse valor é referente aos saldos deixados em conta desativada, nos valores a receber por ressarcimento ou outra operação em uma instituição financeira que tenham gerado um crédito mas que nunca foi resgatado por clientes.

Atentem-se aos golpes aplicados

O Banco Central aconselha o correntista a ter cuidado com golpes de estelionatários que alegam fazer a intermediação para supostos resgates de valores esquecidos. O órgão afirma que todos os serviços do SVR são gratuitos, não é enviado link, e que não entra em contato para tratar sobre valores ou para confirmar dados pessoais.

O BC pede que nenhum cidadão forneça senhas e esclarece que ninguém está autorizado a fazer nenhum tipo de pedido como este.

O que é o Sistema de Valores a Receber?

O SVR é um serviço do Banco Central que as pessoas pode consultar se sua empresa ou pessoa falecida tem dinheiro esquecido em algum banco, consórcio ou outra instituição e saber como solicitar saque desse valor.

Depois de ficar fora do ar por quase um ano, o programa foi reaberto em março de 2023, com novas fontes de recursos, um novo sistema de agendamento e a possibilidade de resgate de valores de pessoas falecidas;

Melhorias do programa

  1. Impressão de telas e de protocolos de solicitação para compartilhamento no Whatsapp e inclusão de todos os tipos de valores previstos na norma;
  2. Sala de espera virtual, que permite que todos os usuários façam a consulta no mesmo dia, sem a necessidade de um cronograma por ano de nascimento ou de fundação da empresa;
  3. Consulta aos valores de pessoa falecida, com acesso para herdeiro, testamentário, inventariante ou representante legal.
  4. Informa a instituição responsável pelo valor e a faixa de valor e;
  5. Transparência para quem tem conta conjunta.

*Texto sob supervisão de Matheus Herbert

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

NESTA QUARTA

Autódromo de Interlagos recebe Dia do Motorista de App em SP

Evento terá show de Netinho de Paula, carros clássicos, foodtrucks e brinquedos para as crianças

FUGA E TIRO

Motociclista foge e é baleado na nuca por PM no interior de SP

©2021 Gazeta de São Paulo. Todos os Direitos Reservados.

Layout

Software

Newsletter